Foto: reprodução / YouTube

Trailer de The Beatles: Get Back mostra sofrimento para concluir álbum em duas semanas

Sessões do último disco da banda foram marcadas pelo cronograma apertado e desentendimentos

Foi divulgado um novo trailer de The Beatles: Get Back, documentário que mostra os últimos dias dos Beatles em estúdio, durante as gravações de seu álbum final, “Let It Be” (1970).

No vídeo, vemos as já conhecidas tensões entre os membros, bem como o cronograma apertado que a banda tinha naquele período. Mas nem tudo são tretas: há, também, outros momentos mais relax na prévia.

Todo o trailer gira em torno das duas semanas que os Beatles tiveram para finalizar o disco – ainda com o título “Get Back”, que não foi matnido -, a tentativa de voltar a fazer shows e as diferenças entre os Fab Four, que culminaram na saída do guitarrista George Harrison por uma semana. Trechos inéditos em áudio e vídeo compõem as partes mais esperadas do documentário.

Assista ao trailer no player de vídeo a seguir.

Sobre The Beatles: Get Back

“The Beatles: Get Back” resgata o material produzido pelo diretor britânico Michael Edward Lindsay-Hogg entre os dias 2 e 31 de janeiro de 1969. Na época, os Beatles trabalhavam em estúdio na criação de um álbum que seria intitulado “Get Back”, mas acabou se tornando “Let It Be” (1970), o último da carreira da banda.

A ideia era produzir um especial de TV na época, mas o projeto se transformou no documentário “Let It Be”, também lançado em 1970. O período foi marcado por tensões internas na banda, com direito a uma breve saída do guitarrista George Harrison. Por esse e outros motivos, o álbum acabou engavetado e a banda gravou “Abbey Road” (1969) em seguida, sendo lançado antes do próprio “Let It Be”.

Agora, “The Beatles: Get Back” promete restaurar e digitalizar o filme original, além de apresentar material complementar.

Para isso, Peter Jackson, notável por trabalhos como a trilogia “O Senhor dos Anéis”, ficou a cargo de analisar 55 horas de filmagens inéditas sobre as sessões em estúdio. Além disso, ele gerenciou 140 horas em captações de áudio para decidir o que aproveitar.

Em comunicado anterior, Peter Jackson disse que o filme original focou demais na tensão existente entre os integrantes – o que não acontecerá na nova produção. “Existem momentos dramáticos, mas nada como o que as pessoas dizem há tanto tempo”, disse.

Sinopse oficial

“‘The Beatles: Get Back’, do aclamado cineasta Peter Jackson, é uma experiência cinematográfica única que leva o público de volta às sessões de gravação dos Beatles durante um momento crucial na história da música. O filme mostra o calor, a camaradagem e a genialidade criativa que definiram o legado do icônico quarteto.

Filmado em janeiro de 1969 e compilado a partir de mais de 60 horas de imagens inéditas (filmadas por Michael Lindsay-Hogg) e mais de 150 horas de áudio inédito, tudo restaurado de forma brilhante, ‘The Beatles: Get Back’ é a história de John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr planejando seu primeiro show ao vivo em mais de dois anos e compondo e ensaiando 14 novas canções, originalmente destinadas ao lançamento de um álbum ao vivo que o acompanharia.

O filme apresenta – pela primeira vez na íntegra – a última apresentação ao vivo dos Beatles como um grupo, o inesquecível Rooftop Concert em Savile Row de Londres, bem como outras canções e composições clássicas apresentadas nos dois álbuns finais da banda, ‘Abbey Road’ e ‘Let It Be’.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Total
1
Share