Jon Bon Jovi queria mais peso em “Livin’ on a Prayer”, diz Desmond Child

Compositor que ajudou a criar hit disse que Richie Sambora e ele precisaram implorar ao vocalista para que faixa fosse gravada

Não é segredo junto aos fãs do Bon Jovi que Jon Bon Jovi não acreditava no potencial de “Livin’ on a Prayer” quando de sua composição. Composta pelo vocalista em parceria com o guitarrista Richie Sambora e o compositor Desmond Child, a música acabou saindo como segundo single do álbum “Slippery When Wet”, responsável pelo estouro da banda. Assim como sua antecessora, “You Give Love a Bad Name”, chegou ao topo da parada americana.

Em recente entrevista ao canal grego RockPages (via Ultimate Guitar), Desmond reafirmou a desconfiança do cantor. Porém, deixou claro que não se tratava de um sentimento unânime.

“É uma música que possui majestade própria, uma espécie de elevação que exalava esperança. Mas, naquela época, Jon estava pensando em fazer um disco mais hard rock. Então, quando criamos a canção, ele a achava um pouco sentimental demais. Ele a achava leve e queria que fosse um pouco mais pesada.

Richie e eu literalmente nos ajoelhamos e imploramos para ele gravar. Quero dizer, estávamos meio brincando, meio fazendo aquilo de verdade. Vamos apenas gravar e ver o que acontece…”

Ainda de acordo com Child, assim que o processo de gravação teve início, “a mágica aconteceu”.

“Todo mundo sentiu isso, não havia como voltar atrás. A música tem vida própria. Realmente tem. Tantas pessoas, tantas gerações a conhecem. Às vezes nem sabem de onde veio ou quem é o artista, mas sabem do que se trata.”

“Livin’ on a Prayer” ressignificada

O hitmaker exaltou até mesmo o significado que ela ganhou nos recentes e difíceis tempos que o mundo atravessou.

“Foi emocionante quando toda a cidade de Chicago começou a cantar ‘Livin’ on a Prayer’ nas janelas para ouvir uns aos outros durante o lockdown causado pela pandemia. Isso realmente tocou meu coração.”

“Quem sabia que iria estourar?”

Em antiga entrevista ao The Irish Times, Jon Bon Jovi confirmou a versão contada por Desmond Child.

“Aquela música, Deus a abençoe, mas quem sabia que iria estourar? Nós não sabíamos, posso te garantir. Foi criada em um dia onde nenhum de nós tinha qualquer ideia. Estávamos apenas conversando, daí ela surgiu a partir disso. Fico feliz que meu nome esteja nela!”

Desmotivado com o resultado da composição, Jon pensou em destinar “Livin’ on a Prayer” para algum lançamento mais específico, fora dos álbuns da banda.

“Lembro de sair da sala com Richie e falar: ‘eh, essa música é apenas ok, talvez devemos colocá-la em uma trilha sonora de um filme’. Richie olhou para mim e disse: ‘você é um idiota, essa música é muito boa’. Eu falei que não sabia para onde ela estava indo. Porém, ainda não tinha aquela linha de baixo da abertura, soava mais parecida com The Clash.”

Citada pelo cantor, a versão original de “Livin’ on a Prayer” foi lançada como faixa oculta do box set “100,000,000 Bon Jovi Fans Can’t Be Wrong”. A gravação, disponível abaixo a partir de 4min44seg, mostra como a faixa era diferente.

Bon Jovi e “Slippery When Wet”

Terceiro trabalho de estúdio do Bon Jovi, Slippery When Wet catapultou o grupo ao sucesso, chegando ao número 1 nas paradas de sete países. Até hoje, vendeu em torno de 28 milhões de cópias em todo o mundo.

Além de “Livin’ on a Prayer” e “You Give Love a Bad Name”, Desmond Child ganhou créditos nas faixas “I’d Die For You” e “Never Say Goodbye”.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share