Novo álbum do Green Day é ponte entre “Dookie” e “American Idiot”, diz Billie Joe

Décimo quarto trabalho de estúdio, “Saviors” conta com o mesmo produtor das duas obras mais populares da banda

O Green Day lança o seu novo álbum de estúdio, “Saviors”, para o dia 19 de janeiro de 2024, via Reprise/Warner Records – com distribuição nacional da Warner Music Brasil. O trabalho é o 14º de inéditas da carreira da banda.

As gravações foram realizadas em Londres e Los Angeles. A produção ficou a cargo de Rob Cavallo, que assinou a função em “Dookie” (1994) e “American Idiot” (2004). Até por isso, os fãs estão ansiosos por uma sonoridade que remeta aos dois discos mais populares do grupo.

- Advertisement -

O vocalista e guitarrista Billie Joe Armstrong não desencoraja os fiéis. Em entrevista à rádio 102.1 The Edge, o músico declarou, conforme transcrição do NME:

“Esse álbum representa o melhor de tudo que o Green Day tem. São 30 anos de experiência. Seja algo de ‘Dookie’ ou ‘American Idiot’, acho que de alguma forma fomos capazes de preencher a lacuna ao fazer algo que é como um disco essencial para nós.”

O frontman ainda revelou que o primeiro single do disco foi composto ainda à época do anterior. Porém, a abordagem da época fez com que a canção acabasse arquivada temporariamente.

“‘The American Dream Is Killing Me’ foi escrita originalmente há cerca de três ou quatro anos, então é tecnicamente a primeira música do álbum. Mas para ‘Father Of All…’ não queríamos ser políticos porque era muito óbvio. Seria um fruto tão fácil porque tínhamos uma política terrível e uma divisão terrível nos Estados Unidos. Mas desta vez trouxemos à tona e parecia que era o momento perfeito. Nós nos afastamos da política por um tempo porque não queríamos ser como comentaristas da CNN apontando o dedo.”

Leia também:  Destruction fará 4 shows no Brasil em outubro

Billie ainda deixa claro: para fazer uma música política é preciso mais do que simplesmente vontade.

“Você tem que ter muito coração. Se fizer só por fazer, só porque está com raiva, tira o ânimo e se torna meramente parte das reclamações de todos. São necessários momentos especiais e inspirados para realmente ter um momento como ‘The American Dream Is Killing Me’.”

Sobre o Green Day

Fundado em 1987 na Califórnia, o Green Day se tornou um dos principais nomes da geração que promoveu um revival do punk rock na década seguinte.

Até hoje, a banda vendeu cerca de 90 milhões de cópias dos seus discos em todo o planeta. Também conta com 20 indicações ao Grammy, tendo conquistado a estatueta em 5 ocasiões.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasNovo álbum do Green Day é ponte entre “Dookie” e “American Idiot”,...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades