Foto: P. Schwichtenberg / CC BY-SA 3.0

Johnny Solinger, ex-vocalista do Skid Row, morre aos 55 anos

Cantor ficou conhecido por passagem pela banda de hard rock entre os anos de 1999 e 2015, substituindo Sebastian Bach

Morreu aos 55 anos o vocalista Johnny Solinger, conhecido especialmente por sua passagem pelo Skid Row entre 1999 e 2015. A própria banda divulgou a notícia por meio de suas redes sociais.

Confira, abaixo, um trecho de uma nota assinada pelos cinco integrantes atuais da banda – o vocalista ZP Theart, os guitarristas Dave “Snake” Sabo e Scotti Hill, o baixista Rachel Bolan e o baterista Rob Hammersmith:

“Estamos tristes em saber da notícia sobre nosso irmão Johnny Solinger. Nossos pensamentos estão com seus familiares, amigos e fãs. Vá com Deus, Singo.”

A causa da morte não foi divulgada, mas sabe-se que Solinger estava lidando com problemas de saúde devido a um diagnóstico de insuficiência hepática. Ele estava internado desde o último mês de abril com o problema de saúde.

Em maio, ele divulgou o diagnóstico nas redes sociais e revelou que a situação não era nada boa. A ideia era realizar uma campanha de arrecadação virtual para custear suas despesas médicas.

Conforme traduzido pelo Whiplash.Net, Johnny Solinger declarou na ocasião:

“Fui diagnosticado com insuficiência hepática. E o prognóstico não é tão bom. Como a maioria dos músicos, eu não tenho seguro saúde e é muito difícil conseguir atendimento adequado sem ele. No momento, estou tomando pelo menos sete medicamentos diferentes e preciso drenar meu abdômen para tirar os fluídos que se acumulam a cada dois dias. Perdi muita força e também precisarei de fisioterapia.”

Skid Row e Johnny Solinger

Johnny Solinger nasceu em Dallas, no estado americano do Texas, em 7 de agosto de 1965. Sua carreira teve início com influências do rock e do country.

Na década de 1990, ele chegou a ter uma banda solo, chamada Solinger. Já em 1999, foi chamado por um reformado Skid Row para substituir o vocalista Sebastian Bach, que havia saído em 1996 e causado um hiato no grupo.

Entre a saída de Bach e a chegada de Solinger, os músicos remanescentes do Skid Row formaram uma banda chamada Ozone Monday, com outro vocalista: Shawn McCabe. O projeto não foi adiante e o line-up ainda perdeu o baterista Rob Affuso.

Em 1999, houve a iniciativa de retomar as atividades do grupo, com Solinger no vocal e Charlie Mills na bateria. Outros bateras passaram pela banda, como Phil Varone (de 2000 a 2004), Dave Gara (2004 a 2010) e Rob Hammersmith (2010 aos dias de hoje), enquanto Johnny permaneceu até 2015.

Ao todo, o cantor gravou dois álbuns com a banda, “Thickskin” (2003) e “Revolutions Per Minute” (2006), bem como os EPs “United World Rebellion” (2013) e “Rise of the Damnation Army” (2014).

A saída de Solinger em 2015 ocorreu não por sua vontade, mas, sim, porque foi demitido. A banda optou por passar por uma nova reformulação e trouxe o vocalista Tony Harnell, conhecido pelo trabalho com o TNT. Pouco tempo depois, Harnell também deixou a formação, sendo substituído por ZP Theart, atual titular do posto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
111
Share