A banda de rock que Angelina Jolie fez questão de tatuar

Punk rock, principalmente The Clash, tem um papel crucial no método de atuação da vencedora do Oscar

A partir da década de 1990, Angelina Jolie se consolidou com uma das atrizes mais relevantes de Hollywood. Sua performance no filme “Garota, Interrompida” (1999), rendeu a ela o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante.

Mas por trás de um currículo recheado de grandes atuações, está a música. De acordo com Jolie, a arte sonora é o elemento fundamental para o método de construção dos personagens que viveu ao longo dos anos.

- Advertisement -

Em entrevista ao podcast Culture Club (via Rock Celebrities), a atriz comentou como a música exerce uma grande influência sobre seu estado de espírito. 

“Se eu ouvir uma música, vou me mover em direção a ela de verdade. Se for muito triste, eu posso ficar melancólica. Se tiver uma grande energia, ritmo e bateria por trás disso, posso sentir esse pedaço extra de luta e fogo durante o dia todo. Então, tenho que ter muito cuidado com o que eu coloco, porque sei disso sobre mim.”

Mas não é qualquer música que move Angelina Jolie em suas atuações. Em 2006, em entrevista ao China Daily, a atriz apontou o punk rock como o gênero musical perfeito para se preparar para as cenas – e elegeu o The Clash como sua banda favorita. 

“Às vezes, antes de filmar uma cena, eu sento em meu trailer para ouvir The Clash – eles sempre foram minha banda favorita. Eu amo o punk rock porque é honesto, e há muito sentimento por trás disso. Bandas como The Clash e Matchbox 20 são ótimas.”

A melhor música do The Clash

Para marcar de vez sua admiração pelo The Clash, Jolie tatuou nas costas o título de sua canção favorita da banda: “Know Your Rights”, do álbum “Combat Rock” (1982). A música fala sobre os três principais direitos humanos, destacando a realidades deles na sociedade capitalista.

Leia também:  Quando Taylor Hawkins indicou o novo vocalista do Yes

O tema é compatível com a luta de Jolie, que há décadas se dedica ao ativismo humanista, tendo ganhado em 2013 um Oscar humanitário por conta de seu protagonismo na causa.

Uma foto da tatuagem pode ser vista clicando aqui.

Angelina Jolie e Mick Jagger

Para além do ponto de vista de fã, Angelina Jolie também se destacou dentro do mundo da música. Em 1997, aos 22 anos, a atriz estrelou o videoclipe de “Anybody Seen My Baby?”, dos Rolling Stones, onde interpretou uma stripper que vaga pelas ruas de Nova York. O trabalho foi um dos primeiros de Jolie, que se tornou alvo da atenção de Mick Jagger, inclusive no aspecto romântico.

De acordo com o livro “Mick: A Vida Louca e O Genio Selvagem de Jagger” (2015) (via Far Out Magazine), o cantor ficou obcecado com Jolie no período de gravação do clipe e bombardeou a atriz com ligações a convidando para um encontro. Por fim, a jovem aceitou sair com o rockstar quarenta anos mais velho, mas levou o bolo quando Mick saiu com a atriz Farrah Fawcett.

“Foi muito breve, mas o que o torna fascinante é que isso aconteceu quando Angelina Jolie e Mick estavam participando de uma festa, e ele desapareceu com Farrah.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA banda de rock que Angelina Jolie fez questão de tatuar
Tairine Martins
Tairine Martinshttps://www.youtube.com/channel/UC3Rav8j4-jfEoXejtX2DMYw
Tairine Martins é estudante de jornalismo na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Administra o canal do YouTube Rock N' Roll TV desde abril de 2021. Instagram: @tairine.m

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades