Angelina Jolie processou FBI para saber por que Brad Pitt não foi preso por violência doméstica

Atriz afirma que ela e os filhos do agora ex-casal foram agredidas pelo ator durante um voo particular; separação ocorreu em 2016

O divórcio de Angelina Jolie e Brad Pitt, ocorrido em 2016, ainda não foi totalmente concluído e está longe de ser amigável.

Documentos revelaram que a atriz processou o Departamento Federal de Investigação (FBI) dos Estados Unidos por não ter detido o ex-marido. Jolie alega ter apresentado provas de Pitt agrediu a ela e aos filhos do agora ex-casal durante um voo particular, ocorrido “há muitos anos”, segundo o processo.

- Advertisement -

O site Puck News teve acesso aos documentos e descobriu que o processo contra o FBI, movido por uma pessoa que teve sua identidade preservada (Jane Doe), é de fato Angelina Jolie. Ela ainda busca esclarecimentos das autoridades, que preferiram arquivar a denúncia e não prenderam seu ex-parceiro logo após o ocorrido, mesmo com a atriz alegando ter apresentado evidências da agressão.

Angelina Jolie e Brad Pitt

Angelina Jolie alega que Brad Pitt, em um acesso de raiva durante uma discussão, arremessou uma cerveja nela e a levou para o fundo do avião do casal. Lá, ele teria segurado ela pelos braços e chacoalhado seu corpo enquanto discutiam. Em algum momento, os filhos deles também sofreram agressões.

Leia também:  Project46 anuncia formação como quarteto e novo baterista

A separação dos astros permanece complicada, mesmo 6 anos após o divórcio. No início do ano, Pitt processou Jolie porque ela vendeu a um milionário russo a parte dela em uma vinícola pertencente aos dois.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasAngelina Jolie processou FBI para saber por que Brad Pitt não foi...
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Interessado em música desde a infância, teve um blog sobre discos de hard rock/metal antes da graduação e é considerado o melhor baixista do prédio onde mora. Tem passagens por Ei Nerd e Estadão.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades