Netflix quer fazer de “Senna” uma “Round 6” da América Latina

Para showrunner da série e executivo da plataforma, popularidade da Fórmula 1 em vários países pode contribuir para o sucesso da obra

Na véspera dos 30 anos do falecimento de Ayrton Senna, a Netflix divulgou o primeiro teaser de “Senna”, minissérie sobre a vida do tricampeão de Fórmula 1. Por conta do status de lenda que o piloto brasileiro possui e a fama da categoria em alguns países, existe a expectativa de a obra se tornar uma “Round 6” latino-americana, no sentido de popularidade.

À IndieWire, o showrunner de “Senna”, Vicente Amorim, foi questionado sobre essa possibilidade da série se tornar popular em todo o planeta, assim como ocorreu com o seriado sul-coreano.

- Advertisement -

Sua resposta foi curta e direta. Ele disse:

“Ela será.”

Quem também conversou com o portal foi Francisco “Paco” Ramos, vice-presidente de conteúdo da Netflix para a América Latina. O executivo é um pouco mais comedido e acredita que essa é “uma expectativa difícil”, mas vê a possibilidade de “Senna” se tornar “muito relevante” graças à popularidade alcançada pela Fórmula 1 no mercado europeu e latino-americano”.

Amorim ainda lembrou de outro fator que pode contribuir para o sucesso da minissérie: “Drive to Survive”. A série documental da Netflix aborda cada uma das temporadas da Fórmula 1 desde 2018 e se tornou popular até mesmo nos Estados Unidos, mercado no qual a categoria máxima do automobilismo sempre teve dificuldade de se estabelecer.

Leia também:  R.E.M. se reúne para primeira apresentação ao vivo em 15 anos; veja como foi

Uma das maiores séries latino-americanas da Netflix

Na mesma entrevista, Vicente Amorim afirmou que “Senna” se tornou uma das maiores produções latino-americanas da Netflix e possui um investimento comparado ao de atrações globais presentes no catálogo da plataforma. Além disso, esta é uma oportunidade, segundo o produtor, de mostrar ao mundo o valor das produções da região em diferentes aspectos.

“Não é sempre que você possui os recursos para fazer algo do tipo. A América Latina está pronta para dar um grande salto, não apenas artisticamente, porque acho que isso sempre foi óbvio, mas também tecnicamente e em termos de produção, entregando algo especial. Acho que as pessoas que assistirem ‘Senna’ em qualquer lugar dos Estados Unidos, Europa ou internacionalmente sequer vão pensar: ‘este é um show brasileiro?’.”

Não vai demorar muito para descobrirmos se “Senna” irá mesmo alcançar o sucesso de “Round 6”. A minissérie será lançada em 2024, mas ainda sem uma data exata para chegar na Netflix.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasNetflix quer fazer de “Senna” uma “Round 6” da América Latina
Augusto Ikeda
Augusto Ikedahttp://www.igormiranda.com.br
Formado em jornalismo pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atua no mercado desde 2013 e já realizou trabalhos como assessor de imprensa, redator, repórter web e analista de marketing. É fã de esportes, tecnologia, música e cultura pop, mas sempre aberto a adquirir qualquer tipo de conhecimento.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades