Foto: Jim Louvau / divulgação

Go Ahead and Die, projeto com Max Cavalera e o filho Igor Amadeus, lança a música “Roadkill”; ouça

O Go Ahead and Die, projeto que une o vocalista e guitarrista Max Cavalera (Soulfly, ex-Sepultura, etc) com seu filho, o baixista e guitarrista Igor Amadeus Cavalera (Healing Magic), lançou uma nova música nas plataformas digitais. Trata-se da faixa “Roadkill”, que chega a público com lyric video.

O Go Ahead and Die, projeto que une o vocalista e guitarrista Max Cavalera (Soulfly, ex-Sepultura, etc) com seu filho, o baixista e guitarrista Igor Amadeus Cavalera (Healing Magic), lançou uma nova música nas plataformas digitais. Trata-se da faixa “Roadkill”, que chega a público com lyric video.

Sobre a música, Max Cavalera comenta:

“‘Roadkill’ é sobre desabrigados e veteranos que são deixados nas ruas á própria sorte mesmo após ter oferecido o sacrifício de suas vidas em nosso nome – É um choro de desespero para as pessoas em situação de rua que a sociedade vê como ‘acidente rodoviário’”.

Igor Amadeus complementa:

“‘Roadkill’ é uma faixa que foi escrita para aqueles que hoje não tem um abrigo. Nenhuma pessoa deveria ser forçada a sair de suas casas, nenhuma pessoa deveria ser obrigada a viver nas ruas. ‘Roadkill’ é um olhar na realidade frustrante das pessoas que vivem em situação de rua.”

Assista:

A faixa integrará o primeiro álbum do Go Ahead and Die, homônimo, que chega a público no próximo dia 11 de junho, via Nuclear Blast Records.

Ouça as músicas “Truckload Full of Bodies” e “Toxic Freedom”, liberadas anteriormente como singles:

Além de Max e Igor Amadeus, o grupo conta com o baterista Zach Coleman (Black Curse, Khemmis) em sua formação. A sonoridade é comparada “aos dias de glória do thrash, proto-death metal e punk podre”, com músicas “selvagens, que trazem um desprezo pelas mazelas sociais modernas palpáveis, além de riffs monstruosos e cativantes”.

“Eles fazem música extrema raivosa, rancorosa, totalmente envolvente e animada para tempos cada vez mais extremos.”

O texto promocional ainda aponta:

“Os vocais não foram regravados na busca de algum tipo de tomada ‘perfeita’. Zach Coleman não tocou com programas de acompanhamento de ritmo no computador. O coração e a alma do Go Ahead and Die é apenas ir em frente, da maneira tradicional. O engenheiro Charles Elliot gravou as sessões com a ajuda do proprietário do Platinum Underground Studio, John Aquilino. O álbum foi mixado por Arthur Rizk (Power Trip, Cro-Mags, Cavalera Conspiracy). A arte do álbum foi criada por Stewart Easton, enquanto o logotipo em círculo foi criado por Jeff Walker (Carcass).”

Go Ahead and Die – “Go Ahead and Die”

  1. Truckload Full Of Bodies
  2. Toxic Freedom
  3. I.C.E. Cage
  4. Isolated/Desolated
  5. Prophet’s Prey
  6. Punisher
  7. El Cuco
  8. G.A.A.D.
  9. Worth Less Than Piss
  10. (In The) Slaughterline
  11. Roadkill

Go Ahead and Die é:

Max Cavalera | guitarra e vocais
Igor Amadeus Cavalera | baixo, guitarra e vocais
Zach Coleman | bateria

* Foto da matéria: Jim Louvau / divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share