Rita Lee tem voz recriada com inteligência artificial pelo filho

João Lee afirma que experimento foi feito por curiosidade: "nunca faria um AI da voz da minha mãe para lançar música com ela cantando de mentira"

O DJ e produtor musical João Lee, filho de Rita Lee e Roberto de Carvalho, recriou a voz da mãe, falecida em maio último, por intermédio de inteligência artificial. A ferramenta analisou 50 canções gravadas por ela para gerar o resultado.

João compartilhou o fato de ter feito o experimento em sua conta oficial no aplicativo Threads. A publicação diz:

“Demorou quase um dia inteiro para rodar o software, mas consegui criar um modelo de voz dela em IA. Foram semanas de trabalho. Ainda precisa de ajustes, mas o resultado é impressionante. Incrível como a tecnologia para áudio e música avança.” 

- Advertisement -

Contudo, para quem achar que isso significa lançamentos póstumos da cantora, é hora de tirar o cavalinho da chuva. João Lee complementou:

“Eu nunca faria um AI da voz da minha mãe para lançar música com ela cantando de mentira. Isso nunca vai acontecer, gente. Nem nunca o AI será público. Mas a tecnologia impressiona.”

Inteligência artificial e Elis Regina

O debate sobre uso de inteligência artificial para reproduzir a voz ou aparência de estrelas falecidas ganhou novos contornos em julho de 2023, quando um comercial da Volkswagen trazendo uma reprodução artificial de Elis Regina cantando com sua filha, Maria Rita.

Em meio a pessoas emocionadas com a imagem criada pela propaganda, vários apontaram como isso desrespeita o legado político de Elis, crítica ferrenha da ditadura militar – que a VW era apoiadora.

Cinebiogarfia de Rita Lee

Em entrevista à revista Veja, Roberto de Carvalho projetou o futuro sem Rita Lee, com homenagens à artista. Os planos envolvem projetos que entrelaçarão o músico e seus filhos na realização.

Leia também:  Sepultura pretende gravar músicas inéditas com Greyson Nekrutman — incluindo balada

Em seus últimos anos, a própria artista já havia deixado claro que muito material inédito estava disponível para ser aproveitado. Roberto falou sobre as propostas que estão sendo trabalhadas.

“Nossos filhos é que estão envolvidos nessa parte. João fez recentemente uma bela releitura de nossos hits e lançou álbuns com remixes. Beto está fazendo shows em homenagem a ela com uma banda formada por músicos que já tocaram conosco. E Antônio, que é das artes plásticas, está desenvolvendo coisas nessa área. Vou supervisionar tudo.”

O mote principal gira em torno de uma cinebiografia contando a história do casal.

“Tenho interesse em fazer um filme sobre nossa história de amor, uma love story musical. Temos, ainda, muitos shows ao vivo gravados e algumas músicas inéditas (mas não muitas).”

Se não há muito material inédito, há bastante coisa que ainda pode ser aproveitada. E os Beatles – por intermédio da inteligência artificial mencionada por João, ainda que de outra forma – podem ser uma fonte de inspiração para iniciativas.

“Lançaremos em disco a apresentação que fizemos em 2002 no Luna Park, em Buenos Aires, por exemplo. Li que Paul McCartney vai usar inteligência artificial para restaurar a voz de John Lennon em uma fita demo. Também temos coisas gravadas em fitinhas cassetes dos anos 1970 e 80. Quem sabe o que pode acontecer? É necessário tempo e tecnologia para que essas coisas sejam feitas.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasRita Lee tem voz recriada com inteligência artificial pelo filho
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda é jornalista formado pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso e cursou Direção Cinematográfica na Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Apaixonado por música, já editou blogs de resenhas musicais e contribuiu para sites como Rock'n'Beats e Scream & Yell.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades