Acústico MTV será retomado pela nova MTV, afirma executivo

O projeto Acústico MTV será retomado pela Viacom, que faz a gestão do canal MTV no Brasil desde 2013. A informação foi revelada Tiago Worcman, vice-presidente de Programação e Conteúdo da MTV Brasil e América Latina, em entrevista ao site Notícias da TV.

A ideia, segundo Worcman, é trabalhar no reposicionamento da MTV, que tem sido vista mais como um “canal de pegação” do que como uma emissora dedicada à música. “O Acústico nunca deixou de ser um produto da MTV. Esse ano a gente já fez um no México e um na Argentina, e eu acho que no Brasil precisou esse momento da MTV de construção, ao longo de cinco anos, para o mercado entender que é interessante o Acústico […] Acredito que agora estamos prontos para voltar com esse produto”, afirmou.

A proposta é que o novo Acústico MTV tenha um estilo de documentário, que também mostre os bastidores da produção. “A ideia é a gente ter um artista, no máximo dois por ano, porque a gente entende que o Acústico é um momento especial na carreira do artista. Ele tem que estar de alguma maneira querendo e preparado para apresentar de uma maneira diferente da trajetória musical dele. Então, não é que a gente vai ter isso todo trimestre, porque a gente precisa encontrar o artista certo, na hora certa da carreira dele para fazer esse Acústico”, disse.

Os primórdios do MTV Unplugged e os acústicos nunca lançados; assista

Ainda de acordo com o executivo, a MTV “nunca deixou de tocar música”. “A gente tem 12 horas de música no ar todo dia. Um dos carros-chefes da nossa programação é o MTV Hits, que é das 17h30 às 20h, todos os dias, e é um sucesso”, disse.

O Acústico MTV teve início no Brasil em 1990, um ano após a estreia do MTV Unplugged nos Estados Unidos. O projeto fez muito sucesso entre os anos 90 e 2000: shows de Titãs, Legião Urbana, Charlie Brown Jr, Capital Inicial, Lulu Santos e outros tiveram vendas expressivas, que garantiram discos de platina ou diamante para esses artistas.

O último Acústico gravado até então foi com Arnaldo Antunes, em 2011. Dois anos depois, em 2013, o Grupo Abril devolveu o controle da MTV para a Viacom Brasil, que adequou a programação mais ao formato de sua matriz, nos Estados Unidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share