Eric Clapton acusa Rolling Stone de campanha difamatória por suas posições negacionistas e racistas

Guitarrista diz que opiniões controversas têm feito com que pessoas se afastassem dele

Eric Clapton acusou a Rolling Stone de fazer uma “campanha difamatória” contra ele por causa de suas opiniões polêmicas sobre a vacinação contra Covid-19 e mandados de bloqueio.

O guitarrista conversou com o também antivax Robert F. Kennedy Jr. para uma entrevista apresentada em seu site, The Defender.

“Durante o ano passado, ocorreram muitos desaparecimentos. Pessoas se afastaram de mim. Tem sido um modo de refinar o tipo de amizade que tenho. A mídia tradicional tem colaborado para dificultar a situação.”

- Advertisement -

Clapton também elogiou Van Morrison, com quem colaborou na música anti-lockdown “Stand and Deliver” em novembro do ano passado.

“Fui inspirado por Van porque foi claro em seu raciocínio: ‘Temos que fazer música para as pessoas’. Ele é um cruzado, ele vê isso como sua vocação. E eu pensei, ‘Isso mesmo, as pessoas não estão realmente familiarizadas com a ideia de que isso é tão importante para a cura quanto qualquer tipo de medicamento. Toda a comunidade tem que estar junto com a música’.”

A oposição vocal aos mandatos da vacina custou-lhe várias amizades, incluindo o bluesman Robert Cray, que cancelou seus planos de fazer turnê conjunta por conta da letra de “Stand and Deliver”, que compara os mandatos da vacina à escravidão. Clapton e Morrison lançaram outra música de protesto colaborativa intitulada “The Rebels” em junho e, em agosto, Eric lançou uma música solo politicamente carregada chamada “This Has Gotta Stop”.

Eric Clapton critica a Rolling Stone

A situação fez com que o passado racista de Eric Clapton voltasse à tona após muitos anos. Recentemente, uma matéria da Rolling Stone revisitou os comentários feitos no palco durante show em 1976, associando à extensão de sua defesa anti-lockdown. Clapton não se sentiu desencorajado.

Leia também:  Red Hot Chili Peppers lançou “The Getaway” há 8 anos; veja outros fatos da música em 17 de junho

“Quando percebi que havia uma divisão de caminhos, isso só me deixou determinado. Campanhas injuriosas como a da Rolling Stone tornam-se elogios quando vêm de certas áreas da mídia. É apenas uma afirmação para mim de que tenho feito a coisa certa.”

Recentemente, Eric Clapton completou uma turnê pelos Estados Unidos em locais majoritariamente republicanos, que não exigiam prova de vacinação. Apesar de toda sua campanha, ele se vacinou contra a Covid-19.

Negacionismo

Desde o início da pandemia, Eric Clapton se declarou radicalmente contrário a qualquer tipo de ação que visasse evitar a disseminação da Covid-19.

Após gravar a já mencionada música com Van Morrison, o músico manifestou opiniões ainda mais radicais quando sofreu reações ao receber o imunizante da AstraZeneca. Ele também compartilhou informações falsas sobre a vacinação.

Em meio a tudo isso, o músico confessou que tem sido deixado de lado por amigos e familiares devido a seu posicionamento. Falando ao canal Oracle Films, no YouTube, o guitarrista comentou que se sente relegado a um ostracismo por “pensar diferente” – o que o fez pensar em mudar de país para recomeçar a vida.

“Tentei entrar em contato com colegas músicos. Não ouço mais falar deles. Meu telefone não toca muito. Não recebo mais tantos textos e e-mails, é bem notório. Pensei seriamente sobre sair da Inglaterra com minha família. Vamos viver em outro lugar, começar em outro lugar.”

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasEric Clapton acusa Rolling Stone de campanha difamatória por suas posições negacionistas...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades