Rita Lee está totalmente curada de câncer no pulmão

Informação foi confirmada pelo site do jornal Metrópolis; artista revelou diagnóstico em maio de 2021

A cantora Rita Lee está totalmente curada do câncer no pulmão. A informação foi confirmada pelo site do jornal Metrópoles na noite desta segunda-feira (11).

Segundo o portal Uol, que também apurou a notícia, Rita seguirá fazendo exames regulares para monitorar sua situação, mesmo com o tumor atualmente em remissão. A artista não se manifestou sobre a novidade até o momento.

O anúncio de que Rita Lee estava com câncer no pulmão foi feito em maio de 2021, por meio de publicação nas redes sociais. Na ocasião, a equipe da artista disse que ela iniciaria tratamento na sequência.

O texto dizia:

“Nossa Rita submeteu-se a um check-up no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. Os exames apontaram um tumor primário no pulmão esquerdo.

Bem assistida por uma junta médica, formada pelo Dr. Óren Smaletz, Prof. Dr. José Ribas M. de Campos, Dra. Carmem Silvia Valente Barbas e Dr. Ícaro Carvalho, já se encontra em casa, e dará sequência aos tratamentos de imuno e radioterapia. Agradecemos as orações e a Luz Divina.”

Reflexões sobre o câncer

Em rara entrevista concedida após o diagnóstico de câncer no pulmão, Rita Lee disse ao jornal O Globo que o universo parecia dar recados para que ela parasse de fumar. O vício se intensificou durante a pandemia, antes do problema de saúde se manifestar.

Ao ser informada do tumor , Rita Lee disse que sua primeira reação foi dizer: “eu sabia”.

“Sabe por quê? Por causa dos sinais que recebi. Sabia que iria acontecer algo. Quantas vezes não disse que teria de pagar algum pedágio da vida? Era um sopro atrás do outro: ‘Pare de fumar. Você fuma desde os 22 anos, pare agora’. Era como uma luz que acendia no fundo da mente.”

Ela completa:

“Fora as coisas que me eram esfregadas na cara. Ia ler jornal, e estava lá uma personalidade dizendo que havia parado de fumar. Estava na estrada, parava atrás de um caminhão e estava escrito: ‘pare de fumar'”.

Rita admite que, com a pandemia, “aquele baixo-astral no mundo”, foi afetada e passou a fumar “o triplo de antes”.

“Tenho essa coisa de católico, de culpa, e continuei a me desrespeitar. E quando o médico falou: ‘você está com câncer no pulmão’, fechei os olhos e pensei: ‘danadinhos, sarcásticos’. Os ‘seres de luz’ têm humor.

Olha que humor muito louco. Era como se pudesse ouvi-los me falando: ‘Cara, a gente te avisou. Agora, vai parar de fumar na marra’. Eu, no fim, até agradeci. Não é fácil, mas consegui parar de fumar, finalmente.”

Rita Lee atualmente

Gigante da música brasileira, Rita Lee está aposentada desde 2012, quando realizou seu último show. Desde então, vive de forma tranquila em seu sítio no interior de São Paulo, junto do marido, o também músico Roberto de Carvalho.

O último álbum de Rita, intitulado “Reza”, também foi lançado em 2012. Recentemente, ela lançou livros, como sua autobiografia e uma obra para crianças, liberou o single “Change” e foi homenageada com remixes de suas músicas e uma exposição em São Paulo.

A artista é recordista de vendas de discos no Brasil: 55 milhões de cópias comercializadas, sendo, nesse sentido, o nome mais popular do rock no país. Fez história não só com os Mutantes, como, também, em carreira solo, emplacando uma série de hits ao longo de quatro décadas em atividade.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
86
Share