Como bizarro acidente de trem foi parar na capa de “Lean into It”, do Mr. Big

Imagem que estampa álbum mais famoso da banda reproduz situação real ocorrida em 1895, na França

Segundo álbum do Mr. Big, “Lean into It” foi o trabalho mais bem-sucedido de toda a carreira do grupo. Porém, um artigo pitoresco da obra é sua capa.

A imagem reproduz um acidente ocorrido dia 22 de outubro de 1895, na estação francesa de Montparnasse, quando um trem da linha Paris-Granville descarrilou.

Apesar de nenhum passageiro ter morrido – seis ficaram feridos –, uma mulher que estava na rua foi atingida e veio a óbito. Ela se chamava Marie-Augustine Aguilard e esperava pelo marido, vendedor de jornais que estava recolhendo seus exemplares para trabalhar.

O maquinista da locomotiva foi condenado a dois meses de prisão e multa de 50 francos pela imprudência na velocidade com que chegou ao local.

A horrível capa original

Em entrevista à revista Guitar World, o baixista Billy Sheehan contou que a ideia de usar a foto veio por um mero acaso, enquanto a banda recusava o projeto original para a capa.

“Fomos a um restaurante para conferir a versão original e era simplesmente horrível! Apresentava uma garota vestindo um maiô dos anos 1950 e usando sapatos de salto curto, tipo os de enfermeiras. Ficamos olhando e pensando: ‘O que diabos é isso? Qualquer outra coisa será melhor!’ Na parede estava a foto do acidente de trem, então eu disse: ‘Isso seria melhor’.”

Já o título do disco veio de uma piada um pouco sombria em frente a uma tragédia.

“Um jato de combate caiu em um show aéreo e o motor voou em direção à multidão. Enquanto assistíamos ao noticiário, Pat (Torpey, baterista) me perguntou: ‘O que você faz se estiver no meio da multidão e vir 10 toneladas de motores a jato em chamas e incrustados de combustível indo direto para o seu rosto?’. Eu respondi ‘incline-se (lean into it), é o máximo que você pode fazer’.”

Mr. Big e Lean into It

“Lean into It” chegou ao 15º lugar na parada Billboard 200, ganhando disco de platina nos Estados Unidos, Canadá e Japão, além de ouro na Austrália, Áustria, Alemanha, Suíça e Taiwan. A balada “To Be With You” se tornou o único single de toda a carreira da banda a atingir o número 1 na parada de singles americana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
11
Share