Quando Mick Jagger flertou com Gloria Maria durante entrevista nos anos 80

Vocalista dos Rolling Stones estava no Brasil para gravar videoclipes em carreira solo

O ano é 1984. Mick Jagger, vocalista dos Rolling Stones, está prestes a lançar um álbum solo, intitulado “She’s the Boss”.

O disco só chegou às lojas em fevereiro de 1985, mas Jagger usou o fim do ano anterior para preparar clipes, um formato promocional que estava em alta graças à MTV. Duas músicas ganharam vídeos: “Lucky in Love” e “Just Another Night”.

- Advertisement -

As gravações ocorreram em um local que pode parecer inusitado, mas que sempre foi admirado pelo vocalista dos Stones: o Brasil. Mais especificamente, na sede do Fluminense, famoso time de futebol do Rio de Janeiro.

Mick já havia visitado o Brasil em outras ocasiões. A primeira ocorreu ainda nos anos 60, quando veio ao país, com o guitarrista Keith Richards, para o Reveillón de 1969. A conexão com terras tupiniquins seria reforçada nas décadas seguintes, com shows lotados dos Rolling Stones a partir de 1995 e até mesmo um vínculo familiar, pois teve um filho, Lucas, com a então modelo paulistana Luciana Gimenez.

Fato é que, em 1984, o cantor já estava muito à vontade no Brasil. Por isso, não só gravou os videoclipes por aqui, como, também, concedeu entrevistas. Uma delas foi dada à jornalista Gloria Maria, para o “Jornal Hoje”, da TV Globo.

Leia também:  Os 10 discos de vinil mais pesquisados no Google nos últimos 20 anos

Faíscas rolaram durante o bate-papo, pois é evidente que Mick Jagger estava flertando com a repórter brasileira. Poderia ser só de brincadeira, ou apenas uma demonstração de simpatia vinda de um dos sex symbols mais conhecidos da cultura pop. Não importa. O que interessa é que rolou a paquera.

Ao longo da conversa, o vocalista dos Rolling Stones contou que escolheu o Rio para gravar os clipes porque a cidade se encaixa na história e, claro, pela beleza da paisagem local. Em seguida, ele autografou uma cópia do disco “Tattoo You” (1981), dos Stones, e deu um beijo no rosto de Glória Maria. Tudo isso em meio a olhares de admiração vindos do rockstar.

Mick Jagger e Gloria Maria

https://twitter.com/synystergatexs/status/1303036297456562184

Em 2017, durante participação no programa “Vídeo Show”, Glória Maria relembrou a entrevista:

“Eu nem falava inglês. Ele que me ajudou nessa entrevista. Às vezes eu esquecia as palavras e ele completava pra mim. Uma pessoa maravilhosa que me ajudou muito.”

Sobre o beijo, brincou:

“Não lavei o rosto por uma semana.”

Você pode assistir ao vídeo completo da entrevista clicando aqui ou no player abaixo.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesQuando Mick Jagger flertou com Gloria Maria durante entrevista nos anos 80
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

1 COMENTÁRIO

  1. Eu fui um analfabeto em Rolling Stones. Cantava sempre sem grande convicção “Era garoto que como eu amava os beatles e os The Rolling Stones”…No norte do Brasil RS até hoje é carente de materoais RS. Os Beatles tinham maior visiblidade por causa das versões fáceis do estilo Jovem Guarda. A partir dos 50 anos virei pesquisador amador do velho Rockn’roll. A partir da obra autobiografica de “Life” do Keith Richards. Hoje posso cantar com propriedade “era um garoto, que como eu…” Fofocas e polêmicas à parte, amo a radicalidade do som cru do rock antigo…artesanal e visceral. Vida longa aos dinossauros que Jagger e Cia…representam.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades