Foto: Daniel Prakopcyk / divulgação

Dirty Honey anuncia álbum de estreia e libera a música “California Dreamin'”; ouça

O Dirty Honey, banda americana vista como uma das revelações do hard rock na atualidade, confirmou que irá lançar seu primeiro álbum full-length em 2021. Também chamado “Dirty Honey”, o disco chega a público no dia 23 de abril.

O Dirty Honey, banda americana vista como uma das revelações do hard rock na atualidade, confirmou que irá lançar seu primeiro álbum full-length em 2021. Também chamado “Dirty Honey”, o disco chega a público no dia 23 de abril.

O primeiro single deste novo álbum é “California Dreamin'”, que, apesar do título, não é uma versão para o hit do The Mamas & the Papas. A faixa foi disponibilizada com um videoclipe, que pode ser assistido a seguir.

Em material de divulgação, o vocalista Marc LaBelle, que também assina as letras do Dirty Honey, revelou que “California Dreamin'” fala sobre as dificuldades enfrentadas por ele após mudar-se para Los Angeles, citada por muitos como uma terra de oportunidades.

“Muita gente vem para a Califórnia em busca de um sonho e, às vezes, elas simplesmente não conseguem. A Califórnia nem sempre é a terra prometida, os sonhos nem sempre se realizam aqui, e essa é a perspectiva desta música e do vídeo.”

Assista ao clipe de “California Dreamin'” a seguir.

O novo álbum do Dirty Honey

Formado por John Notto na guitarra, Justin Smolian no baixo e Corey Coverstone na bateria, além de LaBelle, o Dirty Honey gravaria seu álbum de estreia, sucedendo o EP também autointitulado de 2019, justo no período em que a pandemia do novo coronavírus atingiu o mundo todo. Em material de divlugação, a banda conta que a viagem para a Austrália para registrar o disco seria um dia após a cidade deles, Los Angeles, entrar em lockdown.

A opção inicial pelo produtor Nick DiDia, conhecido por trabalhos com Rage Against the Machine, Pearl Jam, entre outros, foi mantida. O que mudou foi o método de trabalho: os músicos gravaram o material no Henson Studios, em L.A., com DiDia acompanhando o processo à distância.

O tempo de espera até que tudo se alinhasse fez bem ao Dirty Honey, que não tinha tantas músicas prontas na época da viagem cancelada para a Austrália. Os integrantes da banda puderam criar mais canções, que entraram para o disco, e até experimentar um pouco mais.

Apesar disso, a proposta do álbum de estreia do Dirty Honey é a mesma do EP de 2019: hard rock de pegada clássica, apostando na tríade instrumental guitarra-baixo-bateria e nos vocais rasgados de Marc LaBelle, frequentemente comparado a Axl Rose (Guns N’ Roses) em início de carreira.

* Foto da matéria: Daniel Prakopcyk / divulgação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share