Ian Anderson (Jethro Tull) participa de novo álbum do Opeth

Ícone do rock progressivo foi o responsável por compartilhar novidade em entrevista a rádio italiana

Um sonho antigo do vocalista e guitarrista Mikael Åkerfeldt finalmente se tornará realidade. O Opeth contará com uma participação especial de Ian Anderson, líder do Jethro Tull, em seu próximo álbum de estúdio.

Ainda não há detalhes sobre a colaboração ou sobre o disco de forma geral. Contudo, Anderson antecipou a parceria em entrevista ao programa de rádio italiano “Mystery Tour” (via Blabbermouth).

- Advertisement -

Ao ser perguntado sobre suas atividades musicais fora do Jethro Tull, ele comentou:

“Bem, de vez em quando eu toco em discos de outras pessoas, se eles forem interessantes para mim. Acabei de tocar — na semana passada, toquei em três ou quatro faixas de um banda de prog metal chamada Opeth. Eles são suecos.”

Em 2021, Åkerfeldt disse à Prog que convidou Anderson, há mais de uma década, para participar do álbum “Heritage” (2011). Porém, o líder do Opeth não teve resposta.

“Curiosamente, quando fui até a casa de Steven (Wilson, músico e produtor) para mixar o álbum, estávamos sentados no sofá dele e ele disse: ‘oh, acabei de receber um e-mail de Ian Anderson’. Eu falei: ‘o quê?!’. E ele apenas disse: ‘ele só quer que eu pense sobre fazer uma noxa mixagem para ‘Aqualung’ (clássico álbum de 1971 do Jethro Tull’. Em retrospecto, estou muito feliz por termos Björn (J:son Lindh, flautista, tocando em ‘Heritage’) porque se encaixa com a vibração do álbum.”

O próximo álbum do Opeth

Faz quase cinco anos desde que o Opeth lançou o seu álbum de estúdio mais recente, “In Cauda Venenum” (2019). Esse “hiato” acabará em breve. Não só pela declaração de Ian Anderson: de acordo com Mikael Åkerfeldt, o novo disco está em processo de desenvolvimento.

Durante vídeo utilizado para a Retrospectiva Spotify 2023, o frontman revelou que a banda seguia compondo para um novo projeto. A expectativa era que as faixas fossem gravadas em 2024, mas nenhuma outra data foi mencionada, além de uma possível turnê mundial.

“Obrigado por tocar nossa música no Spotify durante 2023. Estamos atualmente compondo para um novo álbum que iremos gravar no ano que vem, então vamos para a estrada e tocar em festivais no verão de 2024, além de fazer algum tipo de turnê mundial, eu acho. Mais uma vez, obrigado.”

Leia também:  O melhor compositor de todos os tempos para Ian Anderson (Jethro Tull)

Em entrevista de 2021 ao Loudwire, o músico — que recentemente criou a trilha sonora da série “Clark”, disponibilizada pela Netflix em 2022 — confirmou que não trabalhou em nenhum material para o Opeth no período pandêmico. No entanto, pouco depois, a situação parece ter mudado. 

Durante show na capital paulista em fevereiro de 2023, Mikael, conforme relato do colaborador Thiago Zuma, anunciou que os shows da turnê pela América Latina seriam os últimos do grupo por algum tempo, pois iriam se dedicar à composição e gravação de um disco novo. Ainda, que as apresentações tocando faixas de todos os seus álbuns — parte da turnê “Evolution XXX” — serviram de inspiração para começar o trabalho.

De fato, as performances mais recentes do grupo ocorreram em território latino, em Zapopan e Cidade do México, no México, no mês mencionado. Uma série de participações em festivais na Europa entre junho e agosto de 2024 já foram anunciadas.  

“In Cauda Venenum”

Disponibilizado originalmente em 27 de setembro de 2019, “In Cauda Venenum” é o 13º disco de inéditas do Opeth e o mais longo de sua carreira, com 67 minutos e 57 segundos de duração. Chegou ao top 10 em cinco paradas europeias: Finlândia (2º), Escócia (4º), Alemanha (5º), Noruega (9º) e Suíça (10º).

Foi o último trabalho de estúdio a contar com o baterista Martin Axenrot. Em resenha para o site à época do lançamento, Igor Miranda destaca a sonoridade mais épica e o fato de Mikael Åkerfeldt ter centralizado o processo de composição.

“‘In Cauda Venenum’ é um trabalho de essência progressiva e traz pouco do rock pesado como um todo. Algumas faixas sequer soam rock. O uso de instrumentos de orquestra se faz mais presente e não é incomum ter passagens inteiras conduzidas por violões em vez de guitarra.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasIan Anderson (Jethro Tull) participa de novo álbum do Opeth
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades