Jermaine Jackson é processado por agressão sexual que teria ocorrido em 1988

Segundo a alegada vítima, crime teria sido ocultado por pessoas que trabalhavam com o artista para preservar sua reputação

Jermaine Jackson está sendo processado por agressão sexual. Segundo informações da revista People, uma mulher chamada Rita Butler Barrett acusou o antigo integrante do Jackson 5 de tê-la violentado em 1988, durante o período da primavera no hemisfério norte (entre março e junho). 

A suposta vítima entrou com uma ação judicial nesta semana, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Além do artista, que é irmão de Michael Jackson, ela também culpou a empresa dele, Jermaine L. Jackson Music Productions Inc, e a gravadora Work Records Inc.

- Advertisement -

Atenção: há relatos de suposto crime sexual na sequência do texto.

Conforme documentos obtidos pelo veículo, Rita diz ter conhecido Jackson anos antes do alegado crime, por meio de “conexões profissionais e pessoais”. Seu marido, Ben Barrett, trabalhou com o executivo, produtor e fundador da gravadora Motown, Berry Gordy –  que, de acordo com ela, tinha “um relacionamento comercial e de gestão” com o acusado. 

Leia também:  Tarja e Marko Hietala começam turnê conjunta; veja vídeos e setlist

Em certo momento de 1988, o artista teria chegado à casa da mulher sem avisar e forçado a entrada. Depois, segundo o relato da suposta vítima, a agrediu sexualmente com “força e violência” e saiu quando estava “saciado”.

No dia seguinte, Rita afirma que contou sobre o abuso para Berry Gordy, que optou por “esconder o ato”. Assim, na opinião dela, o executivo e outras pessoas conseguiram obter lucros com o trabalho de Jackson “nos próximos que vieram”, impedindo a divulgação de qualquer informação a respeito “com o propósito de lucro e preservação de sua reputação”.  

Após o abuso, ela relata ter sofrido “graves danos emocionais, físicos e psicológicos, incluindo humilhação, vergonha, culpa e perda de dinheiro”.

Mesmo com pedidos da People, os representantes de Jackson não se manifestaram até o momento. Jeff Anderson, advogado da suposta vítima, comentou sobre o caso:

Leia também:  Mustaine diz que Teemu Mäntysaari o fez sentir o mesmo que Ozzy com Randy Rhoads

“Isso é sobre o poder que ela tem e a forma que isso está se mostrando, quando ela aprendeu que algo poderia ser feito sob a lei. Ela encontrou a força e o apoio para nos encontrar e agora está defendendo a si mesma e aos outros”.

Vale destacar que nos Estados Unidos, alguns estados permitem que processos relacionados a crimes sexuais sejam movidos e julgados após o tempo de prescrição. Na Califórnia, a mudança passou a valer em 2022.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasJermaine Jackson é processado por agressão sexual que teria ocorrido em 1988
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades