Por que Paul Rodgers ficou 18 anos sem cantar “All Right Now”, do Free

Presente no álbum “Fire and Water”, música foi o maior sucesso comercial da carreira da banda

“All Right Now” é a música mais tocada nas apresentações solo de Paul Rodgers, de acordo com o Setlist.fm. O clássico do Free também fez parte do repertório do Bad Company em momentos específicos. Porém, o vocalista – autor da canção em parceria com o saudoso baixista Andy Fraser – chegou a ficar 18 anos sem cantá-la nos palcos.

Em entrevista ao Talkshop Live (transcrita pelo Ultimate Classic Rock), o frontman explicou o que o motivou a abandoná-la por um período tão longo da carreira.

“Na minha cabeça, eu tinha que seguir em frente e deixar o Free de lado. Tive o Bad Company e depois o The Firm. Não via sentido em resgatá-la.”

- Advertisement -

A situação mudou graças a Jason Bonham. O baterista acompanhou Rodgers na turnê do álbum em tributo a Muddy Waters, lançado na primeira metade dos anos 1990.

“Ele vivia pedindo: ‘Vamos tocar Free! ‘Mr. Big’! ‘Stealer’!’ E eu respondia que não, pois era um show de blues e só faríamos aquele material. Um dia estávamos tocando em um clube, não consigo lembrar onde. Mas Jason começou a tocar ‘All Right Now’ e o público acompanhou. A banda foi junto e eu cedi. Foi incrível.”

Paul Rodgers, Free e “All Right Now”

“All Right Now” foi o segundo single lançado para promover “Fire and Water” (1970), terceiro álbum de estúdio do Free. A música chegou ao topo da parada em mais de 20 países, além de ter sido 2ª no Reino Unido e 4ª nos Estados Unidos.

Leia também:  A opinião de Jeff Ament sobre ódio que o Pearl Jam recebe por opiniões políticas

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesPor que Paul Rodgers ficou 18 anos sem cantar “All Right Now”,...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades