Os 100 melhores discos de 2022 segundo a Rolling Stone

Rock aparece bem menos em comparação à lista do ano anterior; brasileira Anitta aparece bem colocada

Revista que mudou a cara da cultura pop nos anos 1960, a Rolling Stone publicou sua lista de melhores discos de 2022.

Enquanto no ano passado a lista se limitou a 50, desta vez ela foi dobrada. Porém, o rock aparece bem menos que na anterior – quase nada, na verdade.

- Advertisement -

Confira os 100 melhores discos de 2022 na opinião da Rolling Stone.

Os 100 melhores discos de 2022 para a Rolling Stone

100. Archers of Loaf – Reason in Decline

99. Willow – Coping Mechanism

98. MJ Lenderman – Boat Songs

97. Los Bitchos – Let the Festivities Begin!

96. Big Joanie – Back Home

95. Natalia Lafourcade – De Toda Las Flores

94. Runkus and Toddla T – OUT:SIDE

93. Empath – Visitor

92. Ingrid Andress – Good Person

91. Lizzo – Special

90. Protoje – Third Time’s the Charm

89. Goyo – En Letra de Oro

88. Courtney Marie Andrews – Loose Future

87. Blxst – Before You Go

86. Zora – Z1

85. Erin Rae – Lighten Up

84. Raveena – Asha’s Awakening

83. Stromae – Multitude

82. JID – The Forever Story

81. Conan Gray – Superache

80. Girlpool – Forgiveness

79. Craig Finn – A Legacy of Rentals

78. Giveon – Give or Take

77. Lee Bains and the Glory Fires – Old-Time Folks

76. Latto – 777

75. Rina Sawayama – Hold the Girl

74. Saba – Few Good Things

73. Lainey Wilson – Bell Bottom Country

72. Future – I Never Liked You

71. Ribbon Stage – Hit With The Most

70. Ashley McBryde – Ashley McBryde Presents: Lindeville

69. Becky G – Esquemas

68. Silvana Estrada – Marchita

67. The Beths – Expert in a Dying Field

66. Drake and 21 Savage – Her Loss

65. The Smile – A Light for Attracting Attention

64. Lucrecia Dalt – Ay!

63. Babyface – Girls Night Out

62. Jorge Drexler – Tinta y Tiempo

61. Lil Durk – 7220

60. Mitski – Laurel Hell

59. Rauw Alejandro – Saturno

58. Ari Lennox – Age/Sex/Location

57. Pictoria Vark – The Parts I Dread

56. Horsegirl – Versions of Modern Performance

55. Kiko el Crazy – Llego el Domi

54. Yeah Yeah Yeahs – Cool it Down

53. Quavo & Takeoff – Only Built for Infinity Links

52. Kurt Vile – Watch My Moves

51. Romeo Santos – Formula Vol. 3

50. Sasami – Squeeze

Leia também:  Nova banda de Krist Novoselic toca 1º single do Nirvana em cidade natal de Kurt Cobain

49. Maggie Rogers – Surrender

48. Wilco – Cruel Country

47. Mavi – Laughing So Hard, It Hurts

46. NewJeans – New Jeans

45. Muna – Muna

44. Sabrina Carpenter – Emails I Can’t Send

43. Trueno – Bien o Mal

42. Soccer Mommy – Sometimes, Forever

41. Sunflower Bean – Headful of Sugar

40. Cruel Santino – Subaru Boys

39. Asake – Mr. Money With the Vibe

38. Koffee – Gifted

37. The Weeknd – Dawn FM

36. Camila Cabello – Familia

35. Big Thief – Dragon New Warm Mountain I Believe In You

34. Fontaines D.C. – Skinty Fia

33. Zach Bryan – American Heartbreak

32. Brent Faiyaz – Wasteland

31. Anitta – Versions of Me

30. Syd – Broken Hearts Club

29. Earl Sweatshirt – SICK!

28. Tove Lo – Dirt Femme

27. Alex G – God Save the Animals

26. Wizkid – More Love, Less Ego

25. Blackpink – Born Pink

24. Daddy Yankee – Legendaddy

23. Charli XCX – Crash

22. Drake – Honestly, Nevermind

21. Miranda Lambert – Palomino

20. Noah Cyrus – The Hardest Part

19. Vince Staples – Ramona Park Broke my Heart

18. Angel Olsen – Big Time

17. Megan Thee Stallion – Truamatize

16. Bartees Strange – Farm to Table

15. Omar Apollo – Ivory

14. Steve Lacy – Gemini Rights

13. Spoon – Lucifer on the Sofa

12. Alvvays – Blue Rev

11. Kendrick Lamar – Mr Morale and the Big Steppers

10. Wet Leg – Wet Leg

9. J-Hope – Jack in the Box

8. FKA Twigs – Caprisongs

7. King Princess – Hold on Baby

6. Pusha T – It’s Almost Dry

5. Harry Styles – Harry’s House

4. Rosalía – Motomami

3. Taylor Swift – Midnights

2. Bad Bunny – Un Verano Sin Ti

1. Beyoncé – Renissance

Sobre o vencedor, a publicação declarou:

“O impressionante retorno solo de Beyoncé em Renaissance foi o destaque musical do ano. Foi um momento em que a aclamação universal da crítica por seu trabalho se alinhou com um grande sucesso solo número um – o primeiro em mais de uma década – com o piano house arrebatadoramente triunfante de ‘Break My Soul’. O álbum a encontra celebrando descaradamente o prazer negro em todas as suas multidões e ilustra esse tema com dezenas de vozes e sons sampleados, convidados estimados (Grace Jones) e ecos de estilos de clubes globais do passado e do presente.

Como é habitual, ela cobre o álbum com totens suficientes para alimentar um milhão de artigos e dissertações. No entanto, também é possível simplesmente dançar e vibrar com a música. Esta é Beyoncé em seu auge alegre, e você não vai conseguir entender, a menos que puxe o ‘plástico do sofá’, ‘deixe-o cair como um thottie’ e aproveite Queen Bey em seu melhor momento.”

Criada em 1967, a Rolling Stone tem circulação mensal. A tiragem atual é superior a 400 mil exemplares. Baseada em Nova York, a revista é administrada atualmente pela Penske Media Corporation.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasOs 100 melhores discos de 2022 segundo a Rolling Stone
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades