Foto: Luke Eblen

Ex-Silverchair, Daniel Johns lança o álbum solo “FutureNever”

Novo trabalho apresenta primeiras músicas feitas pelo artista desde 2018, quando lançou o disco colaborativo “No One Defeats Us”, do projeto Dreams

Daniel Johns, ex-vocalista e guitarrista do Silverchair, lançou um novo álbum solo nas plataformas digitais. “FutureNever” chega através do selo próprio do artista, em parceria com a gravadora BMG.

Originalmente, o trabalho seria disponibilizado no último dia 1º de abril. No entanto, sua liberação precisou ser adiada em três semanas – e caiu justamente na data em que o artista completa 43 anos.

Em publicação anterior nas redes sociais, Daniel destacou:

“’FutureNever’ é uma mistura eclética de músicas que fiz nos últimos dois anos. Alguns dos meus amigos participam. Irei revelá-los aos poucos”.

Johns também acrescentou na ocasião que nenhum single seria divulgado antes do lançamento. A ideia era encorajar os ouvintes a aproveitar o álbum como uma experiência de audição completa.

“FutureNever” traz as primeiras músicas feitas pelo artista desde 2018, quando lançou “No One Defeats Us”, disco colaborativo com Luke Steele (Empire of the Sun) no projeto colaborativo Dreams.

Ouça “FutureNever” a seguir, via Spotify, ou clique aqui para conferir em outras plataformas digitais.

O álbum está na playlist de lançamentos do site, atualizada semanalmente com as melhores novidades do rock e metal. Siga e dê o play!

Distância dos holofotes

Após o grande sucesso com o Silverchair, o músico australiano se afastou dos holofotes nos últimos anos, tendo que lidar com uma série de problemas de saúde desencadeados pela ansiedade, fruto da superexposição midiática a que foi submetido com a fama.

No último ano, Daniel estrelou o podcast Who Is Daniel Johns?, onde falou abertamente sobre o assunto. O próprio destacou a importância de ter sido franco sobre o tema em um formato que falou a várias pessoas de todo o planeta ao mesmo tempo.

“Não sabia, mas precisava passar por essa experiência. Compartilhar os sentimentos fez com que passasse a me sentir em paz e pronto para enfrentar esse novo mundo.”

Em outras declarações, Daniel afirmou que não há planos para o Silverchair voltar, ressaltando ter precisado abrir mão de milhões para poder ter uma vida saudável.

Novos problemas

No último dia 23 de março, Daniel Johns se envolveu em um acidente de carro na cidade australiana de New South Wales. De acordo com a polícia local, houve uma colisão com uma van. O motorista de 51 anos do outro veículo e sua passageira de 55 anos foram levados para o hospital e liberados logo a seguir.

O ex-integrante do Silverchair admitiu que estava embriagado no momento do acidente. Logo após o ocorrido, ele anunciou nas redes sociais que se internaria em uma clínica de reabilitação.

“Como todos sabem, minha saúde mental é um trabalho em andamento. Tenho dias bons e dias ruins, mas é algo que sempre preciso administrar. Na última semana, comecei a ter ataques de pânico. Ontem à noite me perdi enquanto dirigia e sofri um acidente. Eu estou bem, todos estão bem. Juntamente com minha terapia, tenho me automedicado com álcool para lidar com minha ansiedade e depressão. Eu sei que isso não é sustentável ou saudável. Tenho que me afastar agora, pois estou me internando em um centro de reabilitação e não sei quanto tempo ficarei lá. Agradeço o amor e apoio, como sempre.”

O juiz deve determinar uma pena para o artista nos próximos dias. Não é descartada a hipótese que ele possa cumprir uma sentença prisional.

Daniel Johns – “FutureNever”

  1. Reclaim Your Heart
  2. Mansions
  3. Where Do We Go?
  4. Cocaine Killa (com Peking Duk)
  5. Stand ‘Em Up (com What So Not)
  6. I Feel Electric (com Moxie Raia)
  7. Emergency Calls Only (com Van Dyke Parks)
  8. FreakNever (com Purplegirl)
  9. D4NGRSB0Y (com This Week in the Universe)
  10. When We Take Over
  11. Someone Call An Ambulance
  12. Those Thieving Birds, Pt. 3

* Texto por João Renato Alves e Igor Miranda.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
  1. Artista único, de um quilate imensurável. Muito provavelmente a superexposição muito cedo e os problemas de saúde mental ironicamente contribuíram para a criatividade do Daniel, desde a época do Silverchair sempre apontando para caminhos imprevisíveis. Você nunca sabe o que vai ouvir, você pode até não gostar do que vai ouvir, mas é inegável o talento e a integridade artística deste cara.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share