Foto: divulgação

Ace Frehley ainda não se considera um bom vocalista

Guitarrista da formação original do Kiss demorou a assumir vocais, mas já se apresenta cantando há décadas

Ace Frehley foi o último membro da formação original do Kiss a gravar vocais principais em uma música da banda. O registro ocorreu em “Shock Me”, faixa que fez parte do sexto disco de estúdio, “Love Gun” (1977).

Embora fosse um compositor relativamente prolífico, o guitarrista nunca se sentia confiante para emprestar seu gogó às criações. Mesmo quando decidiu fazê-lo, precisou se deitar no chão do estúdio – prática que jura manter até os dias atuais.

Após tantos anos, há de se imaginar que Ace se acostumou com a função, certo? Bem, nem tanto. Em entrevista ao Newsday.com, o Spaceman original confessou ainda estranhar o posto de frontman.

“Foram os outros caras do Kiss que me incentivaram a assumir o microfone. Quando escrevi ‘Shock Me’, entenderam que era a canção perfeita para mim. Mas o fato é que até hoje não me considero bom vocalista. Tocar guitarra é o que sei fazer. Atualmente canto porque não há outra pessoa que o faça na minha banda. O fato é que tenho um registro facilmente identificável por conta do meu sotaque de novaiorquino do Bronx.”

O hit de Ace Frehley

Mesmo se autodepreciando, Ace não apenas se tornou o integrante favorito do Kiss na opinião de muitos fãs, como lançou o single de maior sucesso quando os quatro resolveram gravar discos solos simultâneos, em 1978. A versão para “New York Groove”, composição de Russ Ballard, chegou ao 13º lugar na Billboard Hot 100. Foi de longe o melhor resultado de alguma faixa dos álbuns.

“Nem queria gravá-la, pois era diferente das outras músicas do disco. Eddie Kramer, o produtor, insistiu e merece todos os créditos. Não sei explicar como se tornou um sucesso, aconteceu de forma espontânea, como quase tudo que faço.”

O álbum mais recente de Ace Frehley foi “Origins Vol. 2”, de 2020, composto por 11 covers e uma nova versão para “She”, do Kiss. O último trabalho de inéditas até o momento foi “Spaceman”, de 2018.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share