Por que Chris Poland não voltou para o Megadeth em 2004

Guitarrista gravou o álbum “The System Has Failed” como freelancer, mas não retornou à banda que o consagrou na década de 1980

Em 2004, Dave Mustaine contratou Chris Poland para gravar os solos de guitarra em “The System Has Failed”, álbum que marcou a retomada do Megadeth após dois anos de atividades suspensas.

A presença do músico que havia tocado nos primeiros discos da banda deixou os fãs em alvoroço com a possibilidade de um retorno. Mas o próprio dono da marca deixou claro desde o começo que se tratava apenas de uma participação como freelancer.

Em entrevista ao Sofa King Cool, transcrita pelo Ultimate Guitar, o próprio Poland apresentou sua versão dos fatos.

“Steve Bauer, meu agente pessoal até hoje, avisou que gostariam que eu participasse. Quando soube que Vinnie Colaiuta gravaria a bateria, realmente fiquei interessado. Além disso, as músicas eram incríveis. Ralph Patian, engenheiro de som, também era guitarrista e tinha um monte de pedais diferentes. Fiquei me sentindo como uma criança em uma loja de doces. Foram grandes momentos.”

Porém, a volta à banda não aconteceu por um simples motivo.

“Dave Mustaine não me convidou. Brincávamos sobre o quanto eu sentia a falta dele, mas nunca houve uma proposta. Acredito que ele me via como um guitarrista que conseguia fazer o que era preciso em estúdio, mas nunca pensou em me ter novamente na banda.”

Megadeth e “The System Has Failed”

Lançado em 14 de setembro de 2004, “The System Has Failed” seria um trabalho solo de Mustaine. A situação mudou pelo fato de o Megadeth ainda dever um disco à gravadora no contrato.

O álbum chegou ao 18º lugar na parada americana, recebendo críticas positivas na mídia especializada.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share