A outra alfinetada de Sebastian Bach no Skid Row que passou despercebida

Vocalista cutucou os ex-colegas durante recente apresentação em Detroit, nos Estados Unidos

Sebastian Bach já demonstrou em inúmeras ocasiões que tem interesse em voltar ao Skid Row. Em contrapartida, os ex-colegas deixam claro que um retorno do vocalista é improvável. Sendo assim, não surpreende que o cantor tenha decidido mandar indiretas para a banda em show na última terça-feira (4), no Saint Andrew’s Hall, em Detroit, nos Estados Unidos.

Como já noticiado, alguém na plateia teria gritado o nome do Skid Row durante a performance. Foi o suficiente para Bach chamar os antigos companheiros de “c#zões” no momento. Depois, em retratação nas redes sociais, afirmou que, na verdade, estava referindo-se ao Madam X, grupo do qual fez parte antes.

- Advertisement -

De qualquer maneira, ao ver um fã utilizando uma camiseta do Skid Row com uma formação posterior à sua saída, também reclamou, dizendo no momento: 

“Estou fascinado por essa camiseta aqui. Esse é o Skid Row com o cantor de qual número? Sete? Oito? Nove? Que número é esse cara? Hein? Qual é o número? Será o substituto número sete? Ou o número oito? Ou o número nove? E antes que você diga: ‘bem, eles não tiveram nove’, posso nomear cada um deles? Como você usa uma camiseta dessas? É ridículo. É daquele cara do Dragonforce (ZP Theart)? Ou do TNT (Tony Harnell)? Ou quem quer que seja. Constrangedor.”

Além disso, uma outra alfinetada, até então, havia passado despercebida. Conforme destacado pela Classic Rock, o vocalista ainda decidiu cutucar a banda por, após a ruptura com Erik Grönwall em março e substituição temporária de Lzzy Hale, estar novamente à procura de um vocalista. 

Em determinado instante, ao pedir que todos cantassem “18 and Life” em coro junto dele, disse para o público:

“Vocês podem ser o próximo vocalista do Skid Row. Ouvi dizer que eles estão procurando um.” 

A explicação de Sebastian Bach

Um dia após o evento, Bach foi às redes sociais tentando apaziguar o ocorrido – até porque não esconde ainda ter a esperança de subir aos palcos novamente com o grupo que o consagrou. Compartilhando a chamada do site Blabbermouth, o frontman buscou conter os efeitos de sua reação intempestiva.

De acordo com sua retratação, ao dizer “c#zões”, Sebastian estava criticando o Madam X, banda da qual fez parte antes do Skid Row. Escreveu o artista:

“O título real do que aconteceu naquele show é ‘BACH DETONA MADAM X e celebra 35 anos do primeiro álbum do Skid Row’. Em vez de tropeçar em si mesmo para colocar palavras na minha boca, por que vocês não contam a história direito de uma vez? A besteira diária. Ei, Internet, a besteira nunca para! Ontem à noite em Detroit, fui confrontado por um cara vestindo orgulhosamente uma camisa do Madam X. Uma banda que, como você pode ler no meu livro, cuspiu na minha cara e me expulsou quando eu tinha 16 anos. Então comentei sobre isso. Não fiquei bravo com o cara por usá-la, mas também não fiquei feliz em olhar para ela.”

Leia também:  Foo Fighters toca a inédita “Unconditional” em show na Inglaterra

A seguir, falou sobre o grupo ao qual celebra todas as noites.

“Então, teve um idiota vestindo uma camiseta do SKID FAUX olhando para o telefone na primeira fila o show inteiro pensando que de alguma forma isso seria apropriado. Se você vai usar uma camisa Skid Row no meu show, seria apropriado ostentar o Skid Row original. Não alguma outra banda que durou 6 meses ou algo assim. A música que celebramos nesses shows resistiu ao teste do tempo por 35 anos e durará para sempre. É disso que se tratam esses shows. Venha comemorar os 35 anos do primeiro álbum do Skid Row conosco. Mas perceba que este é um show de rock de verdade e você nunca sabe o que vai acontecer.”

Skid Row e a busca por um novo vocalista

A vocalista Lzzy Hale confirmou que não permanecerá no Skid Row após os quatro shows que realizou com a banda. Ela entrou no grupo em caráter emergencial, substituindo Erik Grönwall, que se retirou devido a problemas de saúde em decorrência do transplante de medula a que foi submetido recentemente.

Apesar de ter declarado que gostaria de ser efetivada, a agenda do Halestorm impediu uma concretização. Além de estar trabalhando em seu novo disco, o quarteto tem shows agendados pela América do Norte durante o restante do ano atual.

Durante entrevista à rádio WRIF, de Detroit, Estados Unidos, o baixista Rachel Bolan confirmou que o Skid Row já tem alguns nomes de vocalistas sendo analisados. Ele disse, conforme transcrição do Blabbermouth:

“Já temos alguns candidatos. Nenhum é um nome realmente conhecido do público. Mas sim, temos conversado com alguns caras que despertaram nosso interesse, com certeza.”

O músico também confirmou que a banda já trabalha em ideias para um próximo álbum de estúdio. “The Gang’s All Here”, o mais recente – e único com Erik Grönwall -, saiu em 2022.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasA outra alfinetada de Sebastian Bach no Skid Row que passou despercebida
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades