A opinião de Paulo Miklos sobre fãs e até rockstars levados à extrema direita

Cantor ex-Titãs disse ter se espantado com discurso de certos artistas e que, apesar de não ter brigado com ninguém, bloqueou alguns seguidores nas redes

Em abril de 2023, o Titãs iniciou uma turnê reunindo a formação clássica. A série de shows não só arrastou multidões — em São Paulo, chegou ao estádio Allianz Parque seis vezes —, como também gerou debate por parte do público. Segundo Paulo Miklos, uma parcela ficou surpresa pelo caráter crítico das músicas da banda. 

Ao entrar no aspecto político durante participação no programa Roda Viva, o cantor mencionou que “teve gente que ainda se surpreendeu, mesmo 40 anos depois” com o trabalho apresentado pelo grupo. Logo depois, ainda em tópico semelhante, opinou então a respeito dos rockstars, que, em contrapartida, acabaram levados à extrema direita. 

- Advertisement -

Como alguém de pensamento contrário, o músico disse ter ficado “espantado” ao ver  certos músicos propagando esse tipo de discurso. Sem citar nomes, comentou que passou a analisar as canções tais artistas, na tentativa de entender a origem do posicionamento conservador. 

A questão não ficou restrita somente à música, mas à sociedade brasileira como um todo, em suas palavras. Conforme transcrição do site IgorMiranda.com.br, ele explicou: 

“Primeiro foi um espanto, porque comecei a ouvir as músicas dos caras e pensar: ‘Mas espera aí, já era assim antes? Então eu entendi errado’. Isso aconteceu demais, aconteceu entre as famílias, aconteceu entre os amigos. Acho que foi uma crise ética, política, que exigiu das pessoas. Também [aconteceu] essa coisa da onda das fake news na rede social. Houve essa cisão extrema e maluca.”

Leia também:  A música do Black Sabbath que quase deu nome ao Van Halen

Em seguida, revelou que não envolveu-se em nenhum tipo de briga por conta do tema, mas que costuma bloquear perfis com ideais extremistas nas redes sociais: 

“Eu não briguei especificamente com ninguém, porque eu achei uma perda de tempo. Na minha própria rede social, eu faço uma higienização, sabe? Eu dou um ‘block’ geral, o cara falou alguma coisa… E tem alguns [perfis] que eu vou visitar. Penso: ‘espera aí, esse cara está meio estranho, deixa eu ver, esse comentário não é muito legal’. Eu vou lá no perfil pra ter certeza antes de bloquear.”

Paulo Miklos atualmente

O primeiro álbum solo desde que Paulo Miklos saiu do Titãs em 2016, “A Gente Mora no Agora”, saiu em 2017. Desde então, o músico lançou outro trabalho, “Do Amor Não Vai Sobrar Ninguém”, de 2022, e emendou trabalhos variados como ator — inclusive interpretando Adoniran Barbosa em sua cinebiografia.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA opinião de Paulo Miklos sobre fãs e até rockstars levados à...
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades