O que Tony Iommi pensa sobre ideia de show final do Black Sabbath com Bill Ward

Ideia foi proposta por Ozzy Osbourne recentemente, visando corrigir o curso da história da banda

Recentemente, Ozzy Osbourne propôs que o Black Sabbath retome atividades temporariamente para um último show. A ideia é incluir o baterista Bill Ward, que não participou das derradeiras turnês da banda, sendo substituído por Tommy Clufetos após desacertos.

­

- Advertisement -

O Madman entende que o correto seria colocar um ponto final na história com os quatro músicos originais, que ainda estão vivos – algo cada vez mais raro em se tratando de um grupo surgido na virada dos anos 1960 para os 70. Tony Iommi concorda com a proposta. Porém, não sabe se seria possível, na prática.

Disse o guitarrista ao Trunk Nation, conforme transcrição do Blabbermouth:

“É uma coisa engraçada, realmente. Quer dizer, Deus, teremos 90 anos quando fizermos isso. [Risos] Seria uma boa ideia, mas você vai fazer todo mundo pensar: ‘Oh, eles estão fazendo isso por dinheiro. Eles estão fazendo isso por causa disso, estão fazendo isso por aquilo, estão fazendo isso…’ Bem, não seria por conta dessas coisa, apenas uma ideia legal de se colocar em prática. Agora, se realmente vai acontecer será outro assunto. Mas veremos.”

Saudade dos palcos e saúde de Tony Iommi

A seguir, o mestre dos riffs foi questionado sobre a falta que sente dos palcos. Seu último show completo aconteceu em 4 de fevereiro de 2017, na derradeira apresentação da banda.

“É ótimo ver o público e amo tocar. Mas tenho me apresentado. Obviamente, há o balé do Black Sabbath, onde participei ao final da estreia. Também estive em um show do Hollywood Vampires, com Johnny Depp. Sempre amei tocar ao vivo. Mas tenho que ser realista com a minha idade (76 anos). Não posso mais fazer turnês que duram dois anos.”

Outro fator, especificamente falando de uma reunião com os antigos colegas, envolveria a demanda prática para realizar um evento.

Leia também:  Michael Schenker celebrará UFO em álbum com Axl Rose, Slash, Kai Hansen e mais

“Reativar o Sabbath original seria um processo longo por conta dos custos que isso envolveria. Mas, se acontecer por apenas uma noite, seria legal.”

Também há a questão da saúde. Tony, que enfrenta um câncer há mais de uma década, revelou:

“Tenho altos e baixos. Amanhã farei um checkup cardíaco. Há momentos em que não consigo respirar apropriadamente, então recomendaram que eu faça uma consulta. À parte disso, estou bem.”

Ozzy Osbourne e a reunião do Black Sabbath

Durante o mais recente episódio de “The Madhouse Chronicles”, podcast em parceria com Billy Morrison, Ozzy Osbourne deixou claro seu arrependimento pelo fim do Black Sabbath da forma como ocorreu. A ponto de nem considerar que a banda era realmente a que representava a história por trás da obra.

Ele disse, conforme descrição do Blabbermouth:

“Não consigo me lembrar por que Bill não participou. Tenho que ser sincero. Não era realmente o Black Sabbath porque Bill não estava lá. Quero dizer, se você tivesse Ginger Baker tocando com os Beatles, não seria os Beatles.”

Sendo assim, o frontman não descarta um reencontro, mesmo que para apenas uma apresentação. Porém, teria que ser com os quatro originais.

“Tommy Clufetos fez um grande trabalho, mas ele não é Bill Ward. Não foi o Black Sabbath que terminou a história, ficou como algo inacabado. Se eles quisessem fazer mais um show com Bill, eu aproveitaria a chance. Você sabe o que seria legal? Se fôssemos a um clube ou algo assim sem avisar, simplesmente subíssemos no palco e fizéssemos isso. Começamos em um clube e terminaríamos assim.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasO que Tony Iommi pensa sobre ideia de show final do Black...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

1 COMENTÁRIO

  1. Black Sabbath realmente e um dos monstros do Rock. Chega a ser surreal o q os caras fizeram.Falo com conhecimento de causa por q escuto rock desde 10 anos de idade. Ouvi muitas coisas sensacionais de varios paises. E eles estao entre os grandes sem sombra de duvida.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades