Veja setlists do Anthrax em 2024 e saiba o que esperar no Summer Breeze

Com Dan Lilker temporariamente de volta ao baixo, grupo tem tocado músicas de todos os álbuns da década de 1980

O Anthrax está em turnê pela América Latina desde o último dia 13 de abril. A banda passou ou vai passar por México, El Salvador, Costa Rica, Equador, Chile, Uruguai e Argentina antes de chegar ao Brasil para seu compromisso final no continente: um show no terceiro e último dia da edição nacional do Summer Breeze, que acontece entre esta sexta-feira (26) e domingo (28) em São Paulo.

A tour conta com um diferencial: o baixista e membro fundador Dan Lilker retornou temporariamente para substituir Frank Bello, afastado por “razões pessoais”. Ele também estará com Joey Belladonna (voz), Scott Ian (guitarra), Jonathan Donais (guitarra) e Charlie Benante (bateria) em dois festivais nos Estados Unidos, já em maio: Welcome to Rockville e Sonic Temple.

- Advertisement -

Durante o show no México, realizado no MXMF Metal Fest, a lendária banda de thrash metal percorreu todos os álbuns lançados pelo grupo na década de 1980, além de “Persistence of Time” (1990) e “Worship Music” (2011). Duas faixas (“Deathrider” e “Metal Thrashing Mad”) vieram da estreia “Fistful of Metal” (1984), único gravado por Dan.

Veja abaixo o setlist (via Setlist.fm):

  1. Among The Living
  2. Caught In A Mosh
  3. Antisocial (cover de Trust)
  4. Madhouse
  5. Metal Thrashing Mad
  6. Efilnikufesin (N.F.L.)
  7. Medusa
  8. In The End
  9. Deathrider
  10. I Am The Law
  11. Got The Time (cover de Joe Jackson)
  12. Indians

Em outras apresentações, o quinteto incluiu “Keep It in the Family” (do álbum “Persistence of Time”) e “A.I.R.” (de “Spreading the Disease”), retirando “Deathrider” (de “Fistful of Metal”) do setlist. Ocorreram também pequenas variações de ordem ou cortes específicos, a depender do tamanho (já que podem tocar entre 11 e 13 músicas).

Veja abaixo alguns vídeos de shows na América Latina.

“Among the Living”:

“Got the Time”:

“Antisocial”:

“Caught in a Mosh”:

“Indians”:

“A.I.R.”:

Dan Lilker de volta ao Anthrax

Leia também:  Após boicotes, Barclays rompe patrocínios com Download Festival, Latitude e Isle of Wight

Dan Lilker esteve na formação do Anthrax entre 1981 e 1984. Também é conhecido pelos fãs de thrash metal por seu trabalho com o Nuclear Assault e pela parceria com o guitarrista Scott Ian e o baterista Charlie Benante no S.O.D.

Em comunicado, Lilker — que também tocou com Brutal Truth, Exit-13, Malformed Earthborn, The Ravenous, Overlord Exterminator e Venomous Concept, entre outros — afirma:

“Estou realmente animado para tocar com o Anthrax novamente. Quando nos separamos lá em 1984, eles me falaram para continuar por perto, pois eles poderiam precisar de mim após 40 anos.”

A banda, também em nota, acrescenta:

“Estamos muito empolgados em tocar com Danny novamente e realmente ficamos muito felizes por ele ter topado tocar no lugar do Frank. Há tempos não tocamos na América do Sul, então não perca estes shows, eles serão uma loucura.”

Anthrax e Dan Lilker

Dan Lilker foi um dos fundadores do Anthrax, ao lado do guitarrista Scott Ian. A formação original contava com os dois, além do baterista Dave Weiss e o vocalista John Connelly — que durou apenas até 1981. Havia ainda um baixista, Paul Kahn, pois Dan começou como guitarrista — e migrou para o instrumento mais grave após a saída do colega.

Lilker permaneceu até 1984 e tocou no álbum de estreia “Fistful of Metal” (1984), ao lado de Ian, Neil Turbin (voz), Dan Spitz (guitarra) e Charlie Benante (bateria). Acabou demitido em meio a várias tensões com seus ex-colegas. Sua vaga foi ocupada por Frank Bello, sobrinho e roadie de Benante. Com a troca de Turbin por Joey Belladonna, nascia a formação clássica da banda.

Pouco tempo depois, Dan montou o Nuclear Assault, outra importante banda de thrash metal, embora menos conhecida que o Anthrax. O projeto foi criado justamente ao lado de John Connelly, seu colega na ex-banda. Durou até 2022, quando, em um breve post nas redes sociais, o grupo anunciou o encerramento de suas atividades após quase quatro décadas e seis álbuns de estúdio lançados, além de trabalhos ao vivo e EPs.

Outro ícone thrash desfalcado

Curiosamente, o Anthrax não é a única banda de thrash metal a vir sem seu baixista para o Summer Breeze Brasil. O Overkill anunciou recentemente que D.D. Verni não estará com o grupo para a apresentação no festival. Em seu lugar estará David Ellefson, notório pelas décadas de contribuição ao Megadeth.

Summer Breeze Brasil 2024

Marcado para acontecer no Memorial da América Latina, o Summer Breeze Brasil 2024 também terá shows de Mercyful Fate, Gene Simmons, Sebastian Bach, Mr. Big, Epica, Hammerfall, Within Temptation, entre vários outros. Ingressos estão à venda no site Clube do Ingresso.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasVeja setlists do Anthrax em 2024 e saiba o que esperar no...
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades