Rei por um dia, Pierce the Veil agrada com bom show no Lollapalooza Brasil

Banda de San Diego levou fã para o palco, tocou versão para hit do Radiohead e fez público sair do chão com post-hardcore nada ensolarado

San Diego é a segunda maior cidade do estado americano da Califórnia. É famosa pelas praias e por manter um clima ameno durante quase o ano todo. Foi nesse cenário que surgiu em 2006 o Pierce the Veil, que veio pela quinta vez ao Brasil para estrear no Lollapalooza. Vic Fuentes (voz e guitarra), Tony Perry (guitarra), Jaime Preciado (baixo) e o baterista convidado Lionel Robinson foram recebidos no palco Alternativo na tarde de sábado (23).

Ao contrário do lar desse quarteto geralmente classificado como post-hardcore — para não dizer emo —, as músicas têm uma carga que traz mais uma vibe de um dia comum de inverno em Londres do que da ensolarada San Diego. Curiosamente, o clima chuvoso no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, estava mais para Inglaterra do que para Califórnia.

- Advertisement -
Foto: Nathalia Pacheco / Lollapalooza Brasil

Com cinco álbuns lançados, a banda abriu o show com “Death of an Executioner”, do mais recente“The Jaws of Life”(2023). Foram aplaudidos pelos fãs que estavam no gargarejo. Vic, então, fez sua primeira interação com a plateia: “Lollapalooza, eu tenho uma única pergunta para vocês: E se eu não puder te esquecer?”. Em seguida, emendou com a música que traz esse verso, “Caraphernelia”, responsável por tirar o público do chão. “Circles”, por sua vez, foi cantada inclusive por quem não estava próximo à grade.

Lembra do clima inglês citado no início deste texto? Não por acaso, o grupo anunciou um cover de um gigante do rock britânico — não sem antes brincar com o letreiro gigantesco que aparecia no telão. “Caso vocês não tenham notado ainda, nós somos o Pierce the Veil”, declarou Vic, tirando algumas risadas dos fãs. E seguiu: “Somos de San Diego, Califórnia. Esta é nossa primeiríssima vez aqui e vamos tocar uma música muito especial para vocês, é do Radiohead e se chama ‘Karma Police’.

Pela acolhida morna, o número de fãs do Radiohead no Lolla era bem pequeno. Já os fãs do Pierce, bastava dar uma olhada ao redor para perceber que não é só quem estava na frente que conhecia e curtia as músicas. Por todos os cantos, inclusive na pista do palco Samsung Galaxy, onde era aguardado Hozier na sequência, muitos rostos voltaram-se para o telão do palco Alternativo com todas as letras decoradas. Do palco, Vic chegou a perguntar mais de uma vez: “Vocês estão preparados para perderem a voz com a gente hoje?”.

Mas a gente sabe que é no gargarejo onde encontram-se os mais fanáticos. Neste caso, a banda percebeu isso. Uma das fãs foi notada e convidada por Vic para subir no palco. Giovanna ouviu sentada um agradecimento mais que especial do frontman após este tê-la visto cantar todas as músicas e ostentar as duas tatuagens que ela fez em homenagem à banda. “Você representa todos os nossos fãs, obrigado pelo apoio”, disse durante “Hold On Till May”, uma das cinco faixas executadas de “Collide with the Sky” (2012), álbum mais famoso do grupo (não à toa o mais representado no setlist) e dono de certificação de ouro pelas mais de 500 mil vendas nos Estados Unidos.

A partir daí, no local em que a repórter acompanhava a apresentação, o som começou a oscilar um pouco. Tanto que não se ouviu nada quando Vic pegou um megafone responsável por introduzir “May These Noises Startle You in Your Sleep Tonight”.

Foto: Nathalia Pacheco / Lollapalooza Brasil

Ainda assim, não foi o suficiente para comprometer uma boa performance. Agradou em cheio principalmente aos fãs que acompanham a banda desde o início.

Ao final de “King for a Day”, Vic Fuentes desceu até a grade para cumprimentar os fãs, subindo de volta para abraçar os colegas. Os quatro carregavam com justiça a sensação de que, naquele momento, saíam como reis.

Foto: Nathalia Pacheco / Lollapalooza Brasil

Pierce the Veil — ao vivo em São Paulo

  • Local: Autódromo de Interlagos (Lollapalooza Brasil)
  • Data: 23 de março de 2024

Repertório:

  1. Death of an Executioner
  2. Caraphernelia
  3. Circles
  4. Karma Police (cover de Radiohead)
  5. Pass the Nirvana
  6. A Match Into Water
  7. Emergency Contact
  8. Hold On Till May
  9. May These Noises Startle You in Your Sleep Tonight
  10. Hell Above
  11. King for a Day
Foto: Nathalia Pacheco / Lollapalooza Brasil

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

Leia também:  Licks e Maltz celebram Engenheiros com show inconstante, mas nostálgico em Porto Alegre
ESCOLHAS DO EDITOR
InícioResenhasResenhas de showsRei por um dia, Pierce the Veil agrada com bom show no...
Adreana Oliveira
Adreana Oliveirahttps://uberground.com.br/
Adreana Oliveira é jornalista graduada pelo Centro Universitário do Triângulo (Unitri), com mestrado em Tecnologias, Comunicação e Educação pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Tem 20 anos de atuação no mercado, com ênfase no jornalismo cultural. Titular por 12 anos da Coluna Novo Som, do extinto Correio de Uberlândia. Atualmente é produtora de TV e editora do site Uberground. Mãe do Nicholas, responsável por colocar animesongs em sua playlist.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades