O melhor guitarrista que Mick Jagger já viu, segundo o próprio

Frontman dos Rolling Stones não teve chance de realizar parceria, já que o lendário músico faleceu muito cedo

Além de Keith Richards, Ronnie Wood, Mick Taylor e Brian Jones, Mick Jagger já tocou com nomes como Jeff Beck e Joe Satriani em carreira solo. Porém, um guitarrista fica acima de todos.

­

- Advertisement -

Infelizmente, não deu tempo de acontecer uma parceria. Mas a admiração perdura até os dias atuais.

Em entrevista de 2022 à Classic Rock, o cantor exaltou uma lenda que teve passagem curta pela Terra, o suficiente para mudar em definitivo o curso da história. Disse o frontman dos Rolling Stones:

“Eu amei Jimi Hendrix desde o início. No momento em que o vi, achei-o fantástico. Fui convertido instantaneamente. Sr. Jimi Hendrix foi o melhor que já vi. Emocionante, sexy e interessante. Ele não tinha uma voz muito boa, mas compensava com sua guitarra.”

“Ele era nosso”

Décadas antes, ao documentário simplesmente intitulado “Um Filme Sobre Jimi Hendrix” (1973), Mick já havia manifestado seu respeito. Especialmente pela nacionalidade “herdada” pelo artista. Conforme repercutido pelo Rock and Roll Garage, ele afirmou:

Leia também:  O grande diferencial de Jon Lord nos teclados, segundo Lars Ulrich

“Eu não sabia quem ele era quando apareceu. Apenas pensei que tinha surgido do nada e nós o adotamos. Na Inglaterra, sentíamos que ele era ótimo e não era grande na América. Então, ele veio para cá, fez seu primeiro disco e era nosso, você sabe. A noite de estreia foi numa discoteca horrível. Havia algumas pessoas, eu fui até lá com Marion (Marianne Faithfull, namorada do cantor à época) e ele foi simplesmente incrível.”

A impressão foi tão positiva que era inevitável não lamentar o falecimento precoce.

“Você pode dizer um milhão de coisas, eu apenas pensei que Jimi era um ótimo guitarrista. Achei que ele era o melhor dos mais originais e tinha uma atuação realmente própria. Só isso. Não sei nada sobre o que lhe aconteceu, se foi vítima de algo. Eu gostaria que ele ainda estivesse aqui.”

Em sua primeira turnê solo, Jagger homenageou Hendrix tocando “Foxy Lady”. Uma performance na Austrália, com Joe Satriani e Jimmy Rip (Television) nas seis cordas pode ser conferida abaixo.

Sobre Jimi Hendrix

Nascido em Seattle, Johnny Allen Hendrix – posteriormente James Marshall Hendrix – teve seu primeiro violão aos 15 anos. Paralelamente à carreira musical amadora, serviu o exército, se tornando paraquedista. A seguir, começou a tocar acompanhando nomes como The Isley Brothers, Little Richard, Wilson Pickett, Slim Harpo, Sam Cooke, Ike & Tina Turner e Jackie Wilson.

Leia também:  A banda dos anos 90 que Slash cita como a melhor para se ver ao vivo

Na segunda metade dos anos 1960 formou a Jimi Hendrix Experience, power trio com o qual revolucionou os caminhos da música popular. Seu experimentalismo o colocou no patamar de um dos maiores instrumentistas de todos os tempos. Em 1969 formou a Band Of Gypsys, que se enveredava pelos caminhos das jam bands.

Morreu aos 27 anos no dia 18 de setembro de 1970. A causa oficial foi uma overdose de barbitúricos, embora seja algo contestado até hoje por pessoas que lhe eram próximas.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesO melhor guitarrista que Mick Jagger já viu, segundo o próprio
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades