Diagnosticado com câncer, Tim Commerford atualiza estado de saúde

Baixista do Rage Against the Machine revelou luta contra a doença em dezembro de 2022; segundo o músico, situação no momento é estável

Tim Commerford revelou em dezembro de 2022 que estava lutando contra um câncer de próstata. À época, o baixista do Rage Against the Machine disse que, por causa do tumor, passou por um tratamento que envolveu a retirada da glândula afetada. Agora, deu mais detalhes a respeito de seu estado de saúde. 

Segundo o músico, em conversa com a Rolling Stone, a situação é estável. Frequentemente, ele realiza o exame PSA – indicado para detectar problemas na próstata – e, das últimas vezes, o resultado não diagnosticou qualquer alteração. 

- Advertisement -

Além disso, aos 57 anos, ele acredita experienciar o melhor momento de toda a sua vida. Contudo, o medo de que a doença retorne ainda o assombra.

Commeford declarou: 

“Eu me chamo de ‘Homem do Câncer’. Tenho 57 anos e estou na melhor fase da minha vida. Mas o câncer nunca vai embora, sempre estará lá. Quando você tem câncer de próstata, eles ficam testando seu nível de PSA [Antígeno Prostático Específico]. Está no zero agora. Mas faço o teste a cada três meses. Vou ficar muito estressado antes do próximo teste.”

Ao refletir sobre os últimos anos, Tim pontuou que a batalha contra o câncer alterou sua perspectiva a respeito do mundo e de si mesmo: 

Leia também:  Tony Martin faz 67 anos; veja outros fatos da música em 19 de abril

“É uma vida diferente agora. [O câncer] mudou quem eu sou, e, de muitas maneiras, para melhor. Isso me fez diminuir o ritmo e me fez dedicar um pouco mais de tempo apenas para apreciar o mundo.”

Tim Commerford e o diagnóstico

Em entrevista à Spin, no fim de 2022, Tim Commerford abriu o jogo a respeito do diagnóstico da doença. De acordo com o músico, o tratamento envolveu a remoção de sua próstata, em procedimento realizado antes da turnê de reunião do Rage Against the Machine, iniciada em julho daquele ano.

“Tenho lidado com coisas muito sérias. Logo antes de sair em turnê com o Rage, minha próstata foi removida e eu tenho câncer de próstata.”

A descoberta veio por acaso, já que ele precisou fazer exames para realizar um seguro de vida. Quando realizou o teste PSA, deparou-se com valores altos.

“No início, o número era muito baixo – tipo 1 vírgula alguma coisa. Monitorei ao longo de um ano e meio e elevou ainda mais. Fizeram uma biópsia e descobriram que eu tinha câncer, então retiraram minha próstata. Pensei que por estarem monitorando e deixando chegar a esse ponto, talvez não fosse grande coisa. Eu me culpo. Eu deveria ter dito: ‘meus números são elevados e o que isso realmente significa?’. Deveria ter levado mais a sério.”

O baixista disse que não pensava em revelar seu diagnóstico. Porém, ele reavaliou e entendeu que seria importante falar sobre o problema, visto que poderia conscientizar outras pessoas a respeito.

Leia também:  A música com acordes de violão e guitarra mais pesquisados, segundo estudo

“O câncer de próstata é muito complicado porque está ligado à sua sexualidade. Quando você é forçado a entrar nessa situação, é uma jornada psicológica brutal. Tenho tentado encontrar grupos de apoio e é difícil falar sobre. A parte do sofrimento, do sofrimento físico depois da cirurgia, nunca senti uma dor assim. E olha que tenho placas de metal na cabeça e partes de cadáveres no corpo por causa dos esportes. Sempre senti que tinha uma tolerância muito alta para a dor, mas essa m#rda me deixou de joelhos. Depois que a dor passou, ainda não conseguia me levantar direito, apesar de estar malhando. Psicologicamente, o dano é grave. É muito difícil para mim não desmoronar e me emocionar.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasDiagnosticado com câncer, Tim Commerford atualiza estado de saúde
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades