A curiosa razão que levou Steve Harris a sair de sua banda pré-Iron Maiden

Smiler foi um dos embriões da banda formada pelo baixista no Natal de 1975

Mais do que ser o comandante absoluto no Iron Maiden, Steve Harris fez escolhas certeiras antes mesmo de formar a banda que o consagrou. O baixista esteve em dois grupos antes do Maiden, o Gypsy’s Kiss e o Smiler — e ao deixar o segundo, tomou uma decisão importante que guiou sua carreira nas décadas seguintes.

A história foi contada na edição especial da revista Classic Rock sobre o Iron Maiden, com entrevistas de alguns dos envolvidos. Um deles é o baterista Paul Sears, que explicou a primeira transição, entre o Gypsy’s Kiss e o Smiler, provocada pela saída do vocalista Bob Verscoyle.

- Advertisement -

Ele disse:

“Não sobrevivemos muito depois que Bob deixou o Gypsy’s Kiss. Sabíamos que a situação estava piorando e alguns não se davam bem no nível pessoal. No final éramos só eu e Steve, até que um dia ele respondeu a um anúncio no Melody Maker, colocado por dois irmãos, Mick e Tony Clee, querendo formar uma banda, chamada Smiler.”

Aprendizado de Steve Harris no Smiler

No Smiler, o próprio Paul Sears não durou por tanto tempo. A vaga foi preenchida por Doug Sampson. Para os vocais, foi trazido o vocalista Dennis Wilcock. Ambos fariam parte de formações do Iron Maiden em seus anos iniciais.

Leia também:  Turnê de Paul Di’Anno pelo Brasil volta a ser adiada devido a problemas de saúde

Steve Harris relembrou como era o grupo, que tinha uma pegada muito mais blues rock do que qualquer coisa que lembrasse heavy metal.

“Eu tinha 17 ou 18 anos. Todos os outros tinham 26 ou 27. Achei ótimo porque eles tinham muito mais experiência do que eu. Então, é claro, pensei que aprenderia muitas coisas, o que aconteceu. Costumávamos tocar principalmente blues e rhythm’n’blues. Fazíamos covers de Savoy Brown, Fleetwood Mac, Peter Green.”

A reclamação que levou a saída e criação do Iron Maiden

Porém, a saída de Harris aconteceu assim que o músico resolveu que iria compor suas próprias músicas. O resultado, desde o começo, era muito próximo do que viria a ser o som da Donzela de Ferro — o que não agradou ao resto dos integrantes do Smiler.

O baixista explicou o que levou à sua saída e, consequentemente, à fundação do Maiden:

“Quando comecei a compor minhas próprias coisas, foi com muitas combinações, muitas mudanças de tempo, muito poder. Eu queria fazer minha primeira música de verdade com o Smiler, mas quando levei para eles, eles disseram: ‘que m#rda, isso tem muitas mudanças de tempo, não vamos tocar isso!’. Eu não consegui lidar com essa atitude, então saí e formei o Iron Maiden.”

Depois de sair do Smiler, no dia de Natal de 1975, Steve Harris formava seu novo projeto, o Iron Maiden. A formação original trazia Paul Day nos vocais, Dave Sullivan e Terry Rance nas guitarras e Ron “Rebel” Matthews na bateria, além, claro, de Steve no baixo.

Leia também:  Por que Taylor Swift bate recordes e rock vive crise, segundo Gene Simmons

O nome da banda nasceu do filme “O Homem da Máscara de Ferro”, de 1939, dirigido por James Whale. Trata-se de uma adaptação de “O Visconde de Bragelonne”, livro do escritor francês Alexandre Dumas (pai), autor de “Os Três Mosqueteiros”.

Foram 4 anos de muita luta no underground britânico e mudanças de formação até que a banda conseguisse um contrato com a gravadora EMI, em 1979. A partir daí, o resto é história.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA curiosa razão que levou Steve Harris a sair de sua banda...
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Interessado em música desde a infância, teve um blog sobre discos de hard rock/metal antes da graduação e é considerado o melhor baixista do prédio onde mora. Tem passagens por Ei Nerd e Estadão.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades