St. Vincent anuncia novo álbum “All Born Screaming” e lança single

Sétimo disco de estúdio da artista conta com participações de Dave Grohl, Josh Freese, Rachel Eckroth, Cate Le Bon, entre outros

A cantora e guitarrista St. Vincent confirmou para 26 de abril seu sétimo álbum de estúdio. Intitulado “All Born Screaming”, o trabalho chega a público por meio da Virgin Music / Fiction Records.

O sucessor de “Daddy’s Home” (2021) é o primeiro disco de Vincent, cujo nome real é Annie Clark, a ser autoproduzido. O material conta com participações de Dave Grohl (Foo Fighters), Josh Freese (Foo Fighters), Rachel Eckroth, Mark Guiliana (Beat Music), Cate Le Bon (Drinks), Justin Meldal-Johnsen (ex-Nine Inch Nails), Stella Mogzawa (Warpaint) e David Ralicke (Beck). No tracklist ao fim da página, contudo, apenas a colaboração de Le Bon é sinalizada.

- Advertisement -

Em comunicado à imprensa, a artista declarou de forma reflexiva:

“Existem alguns lugares, emocionalmente, que você só pode chegar fazendo uma longa caminhada sozinho na floresta – para descobrir o que seu coração realmente está dizendo. Parece real porque é real.”

O primeiro single, “Broken Man”, teve seu videoclipe divulgado. Assista a seguir. Clique aqui para ouvir a faixa em sua plataforma de streaming favorita.

*O single está na playlist de lançamentos do site, atualizada semanalmente com as melhores novidades do rock e metal. Siga e dê o play!

“Pop pós-peste”

Em entrevista à Mojo, St. Vincent compartilhou os primeiros detalhes do trabalho. Além de ter revelado as participações de Dave Grohl, Josh Freese e Cate Le Bon, a musicista descreveu o trio como sua versão particular da Wrecking Crew, o lendário grupo de músicos de estúdio baseado em Los Angeles que trabalhou com os Beach Boys e o produtor Phil Spector. 

Leia também:  14 bandas que você nunca ouviu falar, mas que lançaram boas músicas hoje (19/04)

Segundo Clark, o trabalho – gravado entre Los Angeles, Nova York e Chicago – tomou forma em meio ao período de isolamento social durante a pandemia. Ela falou:

“Gosto de pensar nele como pop pós-peste, é sobre céu e o inferno – metaforicamente. O que é apropriado, porque sentar num estúdio por todas aquelas horas, eu diria ser uma versão de inferno.”

Não há detalhes sobre as canções. Porém, St. Vincent discutiu a mentalidade explorada nas composições:

“Esse tipo de isolamento incentiva paranoia e solidão, e solidão pode incentivar violência. Foi um período de perdas coletivas e pessoais. Mas perda e morte são coisas que dão clareza, elas fazem tudo que não importa ficar para escanteio.”

Sonoridade

Quanto à sonoridade, St. Vincent descreveu o que parece uma evolução de seu álbum anterior, “Daddy’s Home” (2021), uma carta de amor ao rock clássico. Agora, sintetizadores dos anos 1970 e 1980 serão incoroprados com muitas guitarras:

Leia também:  A curiosa sensação de Josh Freese ao entrar para o Foo Fighters

“Soa urgente e psicótico, ao mesmo tempo o som mais cáustico e, eu acho, o mais sonicamente aberto.”

Entretanto, ela deixou claro que um aspecto de “Daddy’s Home” ficou para trás: a ironia. Clark explicou:

“No último álbum, eu estava abordando assuntos complicados com humor ácido e ironia. Botei uma peruca, dancei pelo palco, foi bem divertido. Esse disco agora é mais sombrio, mais duro e dedo na ferida. Eu diria que é meu trabalho menos engraçado até agora! Não tem nada bonitinho a respeito.”

St. Vincent — “All Born Screaming”

1. Hell Is Near
2. Reckless
3. Broken Man
4. Flea
5. Big Time Nothing
6. Violent Times
7. The Power’s Out
8. Sweetest Fruit
9. So Many Planets
10. All Born Screaming (featuring Cate Le Bon)

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioLançamentosSt. Vincent anuncia novo álbum “All Born Screaming” e lança single
Igor Miranda
Igor Miranda
Igor Miranda é jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital. Escreve sobre música desde 2007. Além de editar este site, é colaborador da Rolling Stone Brasil. Trabalhou para veículos como Whiplash.Net, portal Cifras, revista Guitarload, jornal Correio de Uberlândia, entre outros. Instagram, Twitter e Facebook: @igormirandasite.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades