Por que ninguém do Cream, nem mesmo Clapton, gostava do Led Zeppelin

Guitarrista entende que quarteto foi influenciado por sua banda, mas levou o som para um lado que não o agrada

A relação entre o Cream e o Led Zeppelin possui um ponto evidente no fato de as bandas contarem com dois guitarristas que passaram pelo The Yardbirds. Eric Clapton esteve no grupo entre 1963 e 1965, com Jimmy Page assumindo a função de 1966 a 1968. No meio tempo, ainda houve o período com Jeff Beck nas seis cordas.

Os grupos tiveram uma coexistência breve e são considerados nomes essenciais no que viria a ser conhecido como hard rock – assim como o heavy metal, embora todos reneguem esse detalhe em específico. A questão é que o trio nunca se sentiu atraído por Page e companhia.

- Advertisement -

Em entrevista de 2004 a Nigel Williamson, resgatada pelo Far Out Magazine, Clapton explicou:

“O Cream tinha uma base muito forte no blues e no jazz. O Led Zeppelin assumiu nosso legado, mas levou para outro lugar pelo qual eu realmente não tinha muita admiração.”

Mais críticas ao Led Zeppelin

Eric não era o único. Seus dois saudosos colegas e desafetos não nutriam simpatia pelo zepelim de chumbo. O baixista e vocalista Jack Bruce exclamou:

Leia também:  AC/DC lançará todos os seus álbuns em vinil dourado

“F*da-se o Zeppelin, é um lixo. Sempre foi uma droga e nunca será outra coisa. O pior é que as pessoas acreditam nas porcarias que lhes são vendidas. O Cream foi dez vezes a banda que o Led Zeppelin é. Você vai comparar Eric Clapton com o maldito Jimmy Page?”

No documentário de título sugestivo “Beware of Mr. Baker” (2012), foi a vez de o baterista Ginger Baker dizer:

“O público em geral é tão burro que qualquer um poderia pensar que John Bonham estava perto do tipo de baterista que eu sou. É simplesmente inacreditável alguém pensar isso. Bonham tinha técnica, mas não conseguia suingar. Quero dizer, se ele ainda estivesse vivo hoje, era só perguntar a ele!”

Sobre o Cream

O Cream existiu entre 1966 e 1968. Através da fusão do blues com o rock, o trio sedimentou as bases para as aventuras mais pesadas que seriam protagonizadas por outros grupos posteriormente – incluindo o Led Zeppelin.

Leia também:  Eddie Vedder e Post Malone cantam músicas do Pearl Jam e Tom Petty

A banda se reuniu em 1993 para sua indução no Rock and Roll Hall of Fame. Uma nova turnê só aconteceu em 2005, com shows na Inglaterra e Estados Unidos.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesPor que ninguém do Cream, nem mesmo Clapton, gostava do Led Zeppelin
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades