Jonathan Majors é declarado culpado por agressão e assédio a namorada

Ator de filmes da Marvel e de "Creed III" teve responsabilidade atribuída por duas das quatro acusações; sentença sairá em fevereiro

Conhecido pelo seu papel como Kang, o Conquistador nos filmes da Marvel, o ator Jonathan Majors foi declarado culpado nesta segunda-feira (18) por agressão e assédio. A decisão foi tomada por um júri de seis pessoas em Nova York, nos Estados Unidos.

O astro teve culpa atribuída por duas das quatro acusações relacionadas a um episódio envolvendo sua ex-namorada, a dançarina americana Grace Jabbari. A sentença deve ser determinada apenas no próximo mês de fevereiro.

- Advertisement -

O caso surgiu de um incidente no qual, segundo os procuradores, Majors tentou reaver seu celular através de chaves de braço e golpes na cabeça da vítima antes de colocá-la à força dentro de um carro. A defesa tentou retratar Jabbari como uma ex-namorada vingativa, que teria inventado a acusação para atrapalhar a carreira do astro.

No entanto, depoimentos do motorista do carro, do médico que atendeu a vítima e mensagens de texto trocadas pelo casal não só contradizem sua versão, como apresentaram um retrato desagradável do ator. Em seu depoimento, Jabbari contou que ele tinha acessos de raiva, tentava controlar o comportamento dela, atirava objetos de vidro em sua direção e ameaçava cometer suicídio após tudo isso.

Leia também:  Reboot de “O Corvo” com Bill Skarsgård ganha data de estreia e fotos

Em uma troca de mensagens datada de setembro de 2022, o ator implorou para a dançarina não dar entrada no hospital para tratar um ferimento na cabeça causado por ele. De acordo com Majors, isso geraria uma investigação com impacto negativo em sua carreira.

A prisão do ator

Também notório pelo trabalho como Diamond Dame no filme “Creed III”, Jonathan Majors foi preso dia 25 de março. De acordo com as autoridades, um chamado recebido por telefone apontava que um homem de 33 anos estava envolvido em uma disputa doméstica com uma mulher de 30 anos. Ela foi encontrada com ferimentos leves na cabeça e no pescoço, sendo encaminhada ao hospital. Após pagar fiança, o artista foi liberado.

Leia também:  Sepultura diz que Eloy Casagrande saiu “de surpresa e sem aviso prévio”

Jonathan Majors e Marvel

Desde o começo, a Marvel se manteve distante do caso, sem declarações públicas sobre a permanência de Majors na franquia. Enquanto isso, uma reportagem da Variety em novembro mostrou que o estúdio está procurando alternativas, considerando a importância do personagem do ator no Universo Cinematográfico Marvel.

Jonathan chegou a ser mantido na segunda temporada de “Loki”, disponível no Disney+, nos papéis de Aquele Que Permanece e Victor Timely. Ambos os personagens são variantes de Kang, o Conquistador, presentes também em “Homem Formiga e a Vespa: Quantumania”.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasJonathan Majors é declarado culpado por agressão e assédio a namorada
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda
Pedro Hollanda é jornalista formado pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso e cursou Direção Cinematográfica na Escola de Cinema Darcy Ribeiro. Apaixonado por música, já editou blogs de resenhas musicais e contribuiu para sites como Rock'n'Beats e Scream & Yell.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades