A dura opinião de Noel Gallagher sobre o VAR no futebol

Fanático pelo esporte, guitarrista e vocalista acredita que árbitro assistente de vídeo "não consegue acertar"

Noel Gallagher é fanático por futebol. Torcedor do Manchester City, o guitarrista e vocalista acompanha fielmente o time, como também o campeonato inglês de maneira geral. Sendo assim, um erro cometido numa partida recente revoltou o músico, que criticou de maneira dura o VAR – árbitro assistente de vídeo. 

No fim de setembro, o Tottenham venceu o Liverpool por 2×1. Por causa de uma falha da arbitragem, um gol legítimo do jogador Luis Diaz (do Liverpool) foi anulado sob justificativa de impedimento. O VAR, que deveria ter opinado no lance e auxiliado os profissionais em campo, não interveio e a decisão seguiu mantida. 

- Advertisement -

A PGMOL, associação que representa os árbitros da Premier League, reconheceu o equívoco. Em primeiro comunicado, disse que conduziria “uma revisão completa das circunstâncias que levaram ao erro”. Darren England, responsável pela arbitragem de vídeo do jogo em questão, e Dan Cook, assistente, acabaram punidos e suspensos por uma rodada. Um áudio da cabine no momento do jogo foi liberado ao público.

Leia também:  Shows do City and Colour e The Hives em SP são vendidos com desconto

Fato é que toda situação incomodou Gallagher. Durante participação na estação de rádio  talkSPORT (via NME), o músico mostrou insatisfação com Howard Webb – chefe da PGMOL – e expressou sua opinião sobre o VAR:

“Esse cara Howard Webb foi contratado para resolver as coisas, mas tem sido um desastre absoluto. E ninguém quer o VAR, mata o clima no campo, não conseguem acertar.”

O artista continuou, provavelmente fazendo referência ao sistema semiautomático para detectar impedimentos:

“Não consigo entender por que eles não usam o mesmo sistema que usam na Champions League, não consigo entender por que os clubes da Premier League votaram contra. A única coisa boa é que isso aconteceu contra o Liverpool.”

Noel Gallagher, Oasis e a nova edição de “Definitely Maybe”

Recentemente, Noel Gallagher anunciou que o Oasis disponibilizará uma edição de luxo do seu álbum de estreia, “Definitely Maybe”. A nova versão sairá em 2024, quando o lançamento original completa 30 anos. Material inédito, recentemente encontrado, fará parte do conteúdo.

Leia também:  Millie Bobby Brown e filho de Jon Bon Jovi se casam em segredo, segundo tabloide

Porém, o guitarrista também deixou claro que não haverá qualquer reunião da banda para celebrar a data. Com atividades interrompidas desde 2009, a história do grupo assim seguirá até segunda ordem.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasA dura opinião de Noel Gallagher sobre o VAR no futebol
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades