A curiosa reação de Roger Daltrey ao conhecer os Beatles pessoalmente

Momento foi relembrado a um canal do YouTube apropriadamente chamado “Meet My Inspiration”

O The Who participou do movimento popularmente conhecido como British Invasion (em sua primeira e mais bem-sucedida versão), na metade da década de 1960. E não dá para negar que o período foi desencadeado pelo sucesso até então sem precedentes dos Beatles, que forjaram uma cena e despertaram interesse em outros colegas do Reino Unido.

Sendo assim, não é de se estranhar que Roger Daltrey tenha um grande respeito e admiração pelo Fab Four. Em depoimento ao canal do YouTube “Meet My Inspiration”, em 2021 (resgatado pelo site Far Out Magazine), o cantor recordou o momento em que conheceu os rapazes de Liverpool.

“Eu era muito tímido naquela época. Quando abrimos para os Beatles em 1964, estávamos subindo ao palco acabamos nos encontrando no elevador. Eu simplesmente congelei (risos).”

- Advertisement -

Dando mais detalhes sobre o período histórico, o cantor destacou:

“Os Beatles surgiram dois anos antes. Meio que começaram para valer no final de 63 e tiveram o grande estouro já em 64. Nós éramos a banda de abertura, o que também fizemos com grupos como The Kinks e Rolling Stones – não havia nenhuma daquelas bandas de Mersey com que, não tenhamos tocado em algum lugar. Foram dias fantásticos. Eram todos ótimos caras, isso era uma coisa comum. Fiquei particularmente amigo de Brian Jones (guitarrista e fundador dos Rolling Stones), nos demos muito bem.”

Outro momento paralisante de Roger ocorreu em tempos mais recentes, quando conheceu uma cantora folk de quem é fã.

“Entrei em um elevador e lá estava Judy Collins, bem na minha frente. Estava indo para um jantar de premiação. Sou um grande admirador, acho que ela é absolutamente maravilhosa, uma mulher deslumbrante. E de novo eu simplesmente congelei (risos). Ainda acontece bastante comigo. Agora está melhor do que costumava ser, mas ainda não é fácil.”

The Who atualmente

Recentemente o The Who lançou a edição comemorativa de 50 anos do álbum “Who’s Next” (1971). Além do conteúdo original, o material conta com registros do projeto “Lifehouse”, ópera rock que sucederia “Tommy” (1969), mas acabou abandonado – embora tenha sido parcialmente aproveitado no disco em questão.

Leia também:  As músicas dos Beatles em “Sgt. Peppers” que John Lennon não gostava

A banda – hoje resumida a Daltrey e o guitarrista Pete Townshend – encerrou recentemente uma turnê pelo Reino Unido. Em maio, o disco ao vivo “The Who With Orchestra Live At Wembley” chegou ao número 1 no Billboard Classical Charts. Em 59 anos de carreira foi a primeira vez que um trabalho do grupo alcançou o topo de uma parada nos Estados Unidos.

Sobre Roger Daltrey

Nascido em 1º de março de 1944, Roger Daltrey foi criado em uma região perigosa da capital inglesa. Era conhecido na juventude por resolver tudo no soco.

Chegou a ser retirado por uma semana do The Who, nos anos 1960, por ter agredido o baterista Keith Moon. Com o tempo, aprendeu a controlar seus instintos. O título de sua autobiografia é uma referência à sua expulsão da escola pelo diretor: “Thanks a lot, Mr. Kibblewhite” (“Valeu, Sr. Kibblewhite”).

Leia também:  Sammy Hagar teve inveja do Van Halen por conta de “1984” e do hit “Jump”

De acordo com o guitarrista Pete Townshend, Daltrey controlava as decisões na banda com mão de ferro nos primeiros anos — tendo decidido até mesmo pelo nome The Who, sugerido por outro integrante. Apesar disso, Townshend era quem compunha a grande maioria das músicas e dava o direcionamento criativo.

Com o sucesso, Roger lançou-se também em carreira solo e passou a atuar em filmes e séries de TV, além de assinar como produtor. Algumas das obras em que apareceu como ator ao longo das décadas incluem a adaptação de “Tommy”, do The Who; “Highlander” (série); “Os Simpsons”; “That 70’s Show” e “CSI”.

Com a morte de Keith Moon, em 1978, o The Who entrou em declínio e encerrou as atividades em 1983, com retornos esporádicos para ocasiões especiais nos anos seguintes. Daltrey, Townshend e John Entwistle reativaram o grupo junto a músicos convidados em 1996 e permaneceram dessa forma mesmo após a morte do baixista, em 2002.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA curiosa reação de Roger Daltrey ao conhecer os Beatles pessoalmente
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

5 COMENTÁRIOS

  1. Logo um expert em musica escrevendo “O The Who”? Parece coisa da Wikipedia rs

    Chapa, The é O ou Os, como sabe, portanto vc escreveu ‘O O Who’, ou ‘Os Os Who’. rs
    Fala serio.

    Bandas assim, com artigo próprio, são citadas sem o nosso artigo definido antes, senão fica patético, são dois em seguida. O correto é começar a frase com “The Who participou ” …

    • Caramba, três comentários pra reclamar disso? Hahaha. Ficamos felizes em saber que as pessoas estão prestando atenção. Mas adotamos essa forma de escrita porque TODO MUNDO no Brasil fala “O The Who”, “O The Doors”, etc. É incorreto sob o ponto de vista apresentado por você? Sim, lógico. Mas é como as pessoas dizem.

  2. Continuando sobre a mesma maluquice ortográfica apontada acima:
    “Recentemente o The Who lançou a edição comemorativa”….

    Posso imaginar vc escrevendo “Recentemente Os Os Mutantes lançaram..” ou “Os The Rolling Stones” ou Os The Beatles’ quaquaqua

    Fala serio, parceiro, tá uÓ, e vc é um ‘influenciador’, os garotos acabam te copiando, pega mal pra caramba isso …não repita artigo, é judiar da língua. Tuas matérias são legais mas isso tá abaixo da critica..

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades