Dio salvou o Black Sabbath, reconhece Geezer Butler

Substituto de Ozzy Osbourne trouxe entusiasmo e novos ares para o grupo, que passava por momento de incerteza

Em 1979, a demissão de Ozzy Osbourne do posto de vocalista do Black Sabbath instaurou na banda um clima de incerteza. Em meio a mudanças de direção que a pioneira do metal já vinha tomando em seus últimos lançamentos, a saída do frontman veio com possibilidade do fim do projeto. Porém, a chegada de Ronnie James Dio impulsionou o Sabbath a se reinventar e dar a volta por cima. 

Quem diz é Geezer Butler. Em entrevista ao podcast Rock Experience de Mike Brunn (com transcrição do Ultimate Guitar), o baixista refletiu sobre o assunto e apontou que o já falecido Ronnie ajudou a salvar a banda em um momento deprimente.

“Ronnie era exatamente o que precisávamos na banda. Ele estava tão cheio de entusiasmo e de ideias. A saída de Ozzy foi… estávamos todos muito deprimidos. Não sabíamos se iríamos continuar ou qualquer outra coisa.”

- Advertisement -

Geezer ainda descreveu o processo de criação de “Children of the Sea”, faixa do álbum “Heaven and Hell” (1980), primeiro da banda com Dio nos vocais. O músico afirmou que o novo frontman mudou a dinâmica do grupo e trouxe entusiasmo aos colegas.

“Ronnie entrou e nós já tínhamos composto coisas como ‘Children of the Sea’, além de algumas das coisas que mais tarde apareceram no álbum ‘Heaven and Hell’, mas não tínhamos nenhum vocal nele. Ronnie veio, ouviu a ideia de ‘Children of the Sea’ e veio com as linhas vocais. Claro, ele também escreveu suas próprias letras. Então isso me deu tempo para me concentrar mais no que eu estava fazendo no baixo, mais no lado musical das coisas. Serviu como ar fresco, deixou todos nós empolgados.”

“Heaven and Hell” é a prova de que Dio salvou o Black Sabbath. O álbum marcou o renascimento sonoro e comercial da banda por meio de composições e harmonias mais complexas, executadas com maestria na voz do novo frontman. O trabalho devolveu ao Sabbath o desempenho comercial do início da carreira, atingindo a 28º posição da Billboard nos Estados Unidos e a 9º posição nas paradas inglesas. 

Leia também:  Edu Falaschi inicia turnê “Rebirth Live in SP Revisited”; veja vídeos e setlist

Black Sabbath e Ronnie James Dio

Com Ronnie James Dio, o Black Sabbath lançou os álbuns “Heaven and Hell” (1980), “Mob Rules” (1981) e o ao vivo “Live Evil” (1982), além de “Dehumanizer” (1992), feito na segunda passagem do cantor pela banda.

Em 2006, Dio voltou a trabalhar com os ex-colegas em um projeto batizado Heaven & Hell. Rendeu o álbum “The Devil You Know” (2009), último álbum de estúdio do vocalista, que faleceu em 16 de maio de 2010. 

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasDio salvou o Black Sabbath, reconhece Geezer Butler
Tairine Martins
Tairine Martinshttps://www.youtube.com/channel/UC3Rav8j4-jfEoXejtX2DMYw
Tairine Martins é estudante de jornalismo na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Administra o canal do YouTube Rock N' Roll TV desde abril de 2021. Instagram: @tairine.m

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades