Por que Dave Lombardo gosta tanto do Pink Floyd com Syd Barrett

Baterista tem se aventurado em explorar a discografia da banda nos anos iniciais e a carreira solo de seu primeiro líder

O baterista multibandas Dave Lombardo é mais conhecido pelo tempo com o Slayer, além de ter participado de outras bandas e projetos no espectro metálico. Porém, ele também realizou trabalhos em outros espectros musicais, que vão de sonoridades funkeadas ao instrumental experimental, como no álbum “Rites of Percussion”, recém-lançado.

Durante participação no quadro “What’s in My Bag?”, do canal da Amoeba Music (via Far Out Magazine), conceituada loja de discos, o músico falou sobre uma banda britânica que também teve momentos diferentes na carreira: o Pink Floyd. Lombardo revelou estar se familiarizando com a fase inicial do grupo, quando Syd Barrett era o comandante.

“Comprei recentemente os dois primeiros discos do Pink Floyd e Syd Barrett foi, obviamente, a principal influência da banda. Eu tive que pegar ‘The Madcap Laughs’ (1970), o disco solo dele. Não sabia, mas foi produzido por David Gilmour e Roger Waters. Vai ser uma ‘viagem’ interessante ouvir isso, com certeza. Eu realmente estou gostando do início do Pink Floyd. Há algo especial nas gravações mais antigas que eu acho cativante e gosto.”

- Advertisement -

A seguir, Dave falou sobre os méritos que admira no grupo.

“Você podia ouvir a progressão da banda até ‘The Wall’ (1979). Sua habilidade, sua produção, sua composição. Eles não pensavam ‘Oh, precisamos de um sucesso; precisa ter três minutos e meio de duração, ou três minutos de duração’, não se importavam com isso. Foi o que os tornou especial.”

Pink Floyd, Syd Barrett e “The Madcap Laughs”

Lançado em 3 de janeiro de 1970, “The Madcap Laughs” contou com as participações de David Gilmour e Roger Waters, ex-colegas de Pink Floyd, além de músicos como Jerry Shirley (Humble Pie) e Robert Wyatt (Soft Machine).

Leia também:  Quando Michael Angelo Batio estragou o próprio teste para o Kiss

A sonoridade conta com influências folk e psicodélicas, alternando camadas de violões e guitarras. As sessões de gravação aconteceram em Abbey Road e duraram mais de um ano, com cinco produtores diferentes – incluindo Gilmour e Waters – participando do processo.

Chegou ao 40º lugar na parada britânica. O desempenho foi considerado discreto, porém satisfatório pela gravadora, que deu sinal verde para um segundo disco, que viria a ser “Barrett”, lançado em novembro do mesmo ano. Apesar de Syd ter vivido ainda até 2006, foi seu último trabalho oficial.

Sobre Dave Lombardo

Nascido em Havana, Cuba, Dave Lombardo migrou com os pais para South Gate, Califórnia, Estados Unidos, aos 2 anos de idade. Desde cedo, demonstrou aptidão musical tocando instrumentos percussivos. Suas influências iniciais vinham de sons latinos, além de funk, disco e soul.

Leia também:  Jinjer anuncia 6 shows no Brasil com Heaven Shall Burn abrindo

Em 1993, formou o Grip Inc. com o músico e produtor Waldemar Sorychta. Com proposta mais voltada ao groove metal, o projeto lançou 4 discos até 2004.

Juntou-se a Mike Patton (Faith No More) e Buzz Osborne (Melvins) no Fantômas, em 1998. Lombardo o qualifica como o projeto mais difícil, musicalmente falando, que já participou.

Integra ainda o Suicidal Tendencies, Dead Cross, Misfits e Mr. Bungle. Também gravou discos com Testament, Apocalyptica, Philm, Voodoocult e DJ Spooky.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesPor que Dave Lombardo gosta tanto do Pink Floyd com Syd Barrett
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades