Roberto Carlos se manifesta pela 1ª vez sobre morte de Erasmo Carlos

Grande amigo e parceiro musical do artista expressou seus sentimentos sobre a morte; Wanderléa também comentou a perda do "Tremendão"

Roberto Carlos se manifestou a respeito da morte de seu grande parceiro musical e amigo, Erasmo Carlos, na última terça-feira (22).

O “Rei” gravou uma mensagem em áudio, reproduzida no “Jornal Nacional”, da TV Globo. As mesmas palavras foram reproduzidas na página do cantor no Instagram, junto com fotos dos dois e a música “Amigo”.

- Advertisement -

Na mensagem, Roberto soa consternado. Ao lado de Erasmo, Wanderléa e outros nomes da época, ele comandou o programa de TV “Jovem Guarda”, que gerou todo um movimento musical nos primórdios do rock no Brasil. Os dois colaboraram em inúmeras composições e Erasmo chegou a ser homenageado pelo rei justamente em “Amigo”, música usada na postagem.

Confira a manifestação de Roberto Carlos.

“Minha dor é muito grande, nem sei como dizer tudo o que eu penso desse meu amigo querido, meu grande irmão.
Meu ídolo por tudo, pela sua lealdade, sua inteligência, sua bondade, por tudo o que eu conheço dele.
Um ser humano maravilhoso esse meu irmão.
É um privilégio para mim ter um amigo, um irmão assim por todos esses anos.
Difícil encontrar palavras para falar desse cara: o meu amigo Erasmo Carlos.
Ele viverá sempre em meu coração.
Que o nosso Deus de bondade o proteja e o abençoe sempre
Amém, amém, amém”

https://www.instagram.com/reel/ClR9U4Xpakl/?utm_source=ig_embed&ig_rid=df4371b2-6f89-47de-b738-13c1ec8d2541

Antes de Roberto, Wanderléa já havia se manifestado. A cantora expressou todo o amor e carinho pelo amigo e citou a data da morte de Erasmo: 22 de novembro, quando se comemora no Brasil o Dia do Músico, uma triste coincidência.

“Ele estará sempre, sempre, sempre muito vivo em nossas lembranças mais profundas. Amo o Erasmo, assim como vocês. Ele estará sempre em minhas orações e tenho certeza que ele será recebido pelos anjos de luz em um dia muito especial, o Dia do Músico.”

A morte de Erasmo Carlos

Erasmo Carlos morreu aos 81 anos no Rio de Janeiro. Em 17 de outubro, ele foi internado para tratar uma síndrome edemigênica, que consiste em um acúmulo de líquidos nos tecidos do corpo, que causa feridas e inchaços. Permaneceu em tratamento por duas semanas, recebendo alta em 2 de novembro, mas logo voltou ao hospital de novo – desta vez, precisou ser intubado.

Leia também:  Rock in Rio 2024: dia do rock é um dos 3 ainda sem ingressos esgotados

O cantor faleceu devido a uma inflamação nos tecidos subcutâneos, o que acarretou em uma infecção generalizada.

Um dos grandes nomes da música brasileira, Erasmo era casado com Fernanda Passos. Ele deixa ainda os filhos Gil e Leonardo. Carlos Alexandre, o mais novo, faleceu em um acidente automobilístico em 2014.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasRoberto Carlos se manifesta pela 1ª vez sobre morte de Erasmo Carlos
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Interessado em música desde a infância, teve um blog sobre discos de hard rock/metal antes da graduação e é considerado o melhor baixista do prédio onde mora. Tem passagens por Ei Nerd e Estadão.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades