Josh Klinghoffer revela não conversar com John Frusciante há uma década

Entrada do então jovem guitarrista ao Red Hot Chili Peppers abalou antiga amizade que ele tinha com o músico cuja vaga havia ocupado

A participação de Josh Klinghoffer na carreira do Red Hot Chili Peppers está intimamente ligada a John Frusciante. Após algumas colaborações na carreira solo do guitarrista, o multi-instrumentista e atual músico de apoio do Pearl Jam começou a fazer parte do grupo, inicialmente como convidado.

Quando John se retirou pela segunda vez, Josh assumiu seu posto, permanecendo por dois discos, entrando no Rock and Roll Hall of Fame e conhecendo o sucesso.

Porém, a situação deixou máculas. Há anos os fãs e a imprensa especulam que Frusciante – hoje novamente um Chili Pepper – teria ficado magoado com Klinghoffer por ter ocupado seu lugar. Em entrevista ao podcast Tuna On Toast With Stryker, transcrita pela Guitar Magazine, o atual parceiro musical de Eddie Vedder não entrou em maiores detalhes. Porém, deixou claro que não possui mais contato com o antigo parceiro.

“Fui amigo de John por bastante tempo quando éramos mais jovens. Ele é um artista e músico muito dedicado. Passamos por muito juntos. Quanto ao nosso relacionamento atual, eu não diria que está em fluxo; é praticamente inexistente… Tem sido assim por 10 anos.”

Josh reconhece que a perda de contato teve a ver com a decisão de sua entrada no Red Hot.

“Ele sabia que eu entraria se saísse. Falou-se sobre isso antes de eu entrar porque Flea me pediu. Houve muita discussão sobre isso no verão de 2009, mas nós não decidimos nada até outubro. Então, de julho a outubro, eu estava em contato com John e ele com a banda. E ele estava tendo dificuldades com o fato de consideravam continuar sem sua presença.”

John Frusciante de volta ao Red Hot Chili Peppers

Já com John Frusciante de volta pela terceira vez, o Red Hot Chili Peppers lançou o álbum “Unlimited Love” em abril último. O trabalho estreou em 1º lugar na Billboard 200, principal parada de discos dos Estados Unidos.

Foi a primeira vez desde “Stadium Arcadium” (2006), justamente o último trabalho de estúdio com Frusciante, que o grupo estreou na posição mais alta do chart. Tanto “I’m With You” (2011) quanto “The Getaway” (2016), gravados com Josh Klinghoffer na guitarra, atingiram o 2º lugar na semana após o lançamento.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
1
Share