Como nasceu “Love Theme from The Godfather”, lendário tema de “O Poderoso Chefão”

Música é anterior ao famoso filme, mas ficou consagrada justamente por aparição na trilogia, recebendo versões e novas interpretações até hoje

A trilogia “O Poderoso Chefão” (“The Godfather”), do diretor Francis Ford Coppola, representa alguns dos melhores momentos do cinema americano. Os filmes são embalados por uma trilha sonora tão marcante quanto sua história, principalmente por “Love Theme from The Godfather”, também chamada “Speak Softly, Love”.

A música, que tem versões instrumentais e com letra, é mais antiga do que o filme de Coppola. Assinada por Nino Rota, a composição aparece pela primeira vez no longa italiano “Fortunella”, de 1958, dirigido por Eduardo De Filippo. Nessa primeira versão, a canção tem uma harmonia um pouco diferente e nenhuma letra.

- Advertisement -

Em 1972, a música volta a aparecer na trilha sonora de “O Poderoso Chefão”, primeiro filme da trilogia. Chegou a ser indicada ao Oscar de Melhor Trilha Original em 1973, mas teve a indicação retirada pouco tempo depois, por conta de já ter aparecido em “Fortunella”, 15 anos antes.

De qualquer forma, “Love Theme from The Godfather” voltou a aparecer na trilha sonora do segundo filme, “O Poderoso Chefão II” (1974), que ganhou o Oscar na mesma categoria, apesar de contar com a música.

“Speak Softly, Love”

Ainda em 1972, a música tema de “O Poderoso Chefão” ganhou uma letra, escrita por Larry Kusik, e a versão cantada passou a ser referida como “Speak Sotfly, Love”, por causa de seus primeiros versos. Os cantores Andy Williams e Al Martino gravaram a música mais ou menos na mesma época, com a do primeiro sendo a versão mais famosa.

Leia também:  Por que Lindsey Buckingham odeia a capa de “Rumours”, do Fleetwood Mac

Na voz de Williams, a música alcançou o 34º lugar na parada Billboard Top 100, dos Estados Unidos, além do 42º lugar entre os singles do Reino Unido. A versão de Martino chegou ao 80º no mesmo Top 100 americano, além do 24º lugar na Billboard Easy Listening, um ranking mais de nicho.

Além da versão em inglês, “Love Theme from The Godfather” ganhou letras em francês (“Parle plus bas”), italiano (“Parla più piano”), espanhol (“Amor háblame dulcemente”) e no dialeto siciliano, com o título de “Brucia la Terra”, sendo cantada dessa forma pelo personagem Anthony Corleone (Franc D’Ambrosio), em “O Poderoso Chefão III”. A cantora Dalida gravou a versão em francês.

O legado

É curioso que um filme como “O Poderoso Chefão” tenha um tema romântico, já que o romance tem um papel muito pequeno diante das questões da família Corleone. Mesmo assim, a música se tornou muito ligada à obra, sendo fortemente associada a atuação de Al Pacino, Marlon Brando e outros grandes atores que participam da trilogia.

Várias versões e covers foram lançados ao longo dos anos, além da música ser muito presente em samples de rap e hip hop. O guitarrista Slash, do Guns N’ Roses, costuma tocar uma versão instrumental do tema em seus solos ao vivo, chamando a música de “The Godfather Theme”. Há uma gravação em estúdio desta versão, lançada como parte da trilha do filme “The Kid Stays in the Picture”, lançado em 2002.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesComo nasceu “Love Theme from The Godfather”, lendário tema de “O Poderoso...
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes
André Luiz Fernandes é jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo (UMESP). Interessado em música desde a infância, teve um blog sobre discos de hard rock/metal antes da graduação e é considerado o melhor baixista do prédio onde mora. Tem passagens por Ei Nerd e Estadão.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades