Jeff Scott Soto pede para saber por que Journey o demitiu – e Neal Schon explica

Cantor teve curta passagem pela banda em 2006; ele seria efetivado na vaga, mas acabou dispensado após uma turnê

A curta passagem do vocalista Jeff Scott Soto pelo Journey deixou marcas até hoje, especialmente por conta de como a demissão ocorreu.

O cantor se juntou à banda em 2006, durante a turnê conjunta com o Def Leppard. À época, o titular Steve Augeri sofreu de problemas de saúde que o tiraram de ação. A solução mais próxima era Jeff, que já vinha trabalhando com o guitarrista Neal Schon no projeto Soul SirkUS.

- Advertisement -

Ele chegou a ser efetivado no posto, fez sessões de fotos e trabalhou em material inédito. Porém, a parceria foi desfeita e o filipino Arnel Pineda assumiu a função que ocupa até hoje.

Em entrevista ao jornalista argentino Lucas Gordon, transcrita pelo Blabbermouth, Soto voltou a comentar o fato de não saber a verdade sobre o motivo que levou à sua demissão. E destacou que isso lhe perturba até hoje.

“Se eu soubesse qual foi o problema, pelo menos eu poderia estar em paz com isso, encontrar uma maneira de abordar a situação. Mas legalmente nem posso comentar o assunto. Chegamos ao ponto em que tínhamos que encarar o lado jurídico das coisas. Assinei um documento esclarecendo que não falaria nada negativo sobre eles. E mantenho até hoje, estou apenas trazendo a verdade.”

O artista disse que a única explicação recebida até hoje foi de que houve uma mudança de ideia com relação à sua permanência.

“Se tivessem dito ‘sua voz é uma m**da’, se me contassem que matei um dos cachorros dos rapazes, se eu irritasse alguém da família, poderia fazer as pazes com isso. Mas até hoje, 14 anos depois, não tenho as respostas. Nunca me foi dado um motivo adequado.

A única coisa que disseram foi que eles mudaram de ideia. Não fez sentido para mim. Se você mudar de ideia, me ligue e podemos dizer adeus, podemos nos abraçar, posso dizer: ‘ei, espero que consiga alguns ingressos para o show com o novo cantor’. Esse tipo de coisa. Dava para encerrar numa boa. Entrei como amigo, queria sair como amigo.”

Leia também:  Eclipse solar faz Soundgarden volta a parada nos EUA com “Black Hole Sun”

Neal Schon responde Jeff Scott Soto

O guitarrista Neal Schon foi à página do Blabbermouth no Facebook e deu sua versão dos fatos.

“Foi lamentável, mas a voz de Steve Augeri falhou. Era o meio da turnê com o Def Leppard. Estava trabalhando com Jeff em um projeto paralelo e sugeri que ele viesse e ajudasse a finalizar.

Correu bem, mas depois de compormos uma música e ouvi-la, Jonathan (Cain, tecladista) e eu concordamos que não soava bem – ou melhor, não soava como o que queríamos para a banda. Espero que isso satisfaça o drama. Não deu certo.”

O Journey chegou a gravar uma demo com Jeff Scott Soto nos vocais. A música se chama “Winds of Freedom” e pode ser conferida abaixo.

Leia também:  Gene Simmons fará 1º show pós-Kiss antes mesmo do Summer Breeze
ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesJeff Scott Soto pede para saber por que Journey o demitiu -...
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

1 COMENTÁRIO

  1. Eu acho que a resposta foi sem noção, e a resposta foi a pior possível, falou, falou e não falou nada. Os dois sem os membros fundadores, e parece que se um não concordar o outro fica sem força, é um absurdo, a voz de Soto daria tranquilo para encaixar no Journey, mas são dois chatos os membros fundadores do Journey.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades