Guitarrista que tocou no álbum de estreia do Cinderella morre de Covid

Barry Benedetta também integrou o Waysted e tinha banda de rock cristão; em posts nas redes, disseminava conteúdo antivacina

O guitarrista Barry Benedetta morreu aos 62 anos, vítima da Covid-19. Ele integrou o Waysted em 1984, participando como atração de abertura da lendária turnê que reuniu Ozzy Osbourne e Mötley Crüe, deixando um vasto acervo de histórias relacionadas a consumo desenfreado de drogas – registrados em livros e filmes, como o recente The Dirt.

A seguir, participou das gravações de “Night Sings”, álbum de estreia do Cinderella, registrando solos para as faixas “Push Push”, “Back Home Again” e “Nothin’ For Nothin’”. O trabalho vendeu mais de 3,5 milhões de cópias e Barry ganhou um disco de ouro em reconhecimento por suas contribuições.

- Advertisement -

As redes sociais do músico eram cheias de postagens carregadas de teor antivacina. Em algumas mensagens, se referia a quem se imunizava como ovelhas, enquanto via a si próprio como um lobo. Também compartilhava falsas informações sobre o conteúdo das doses alterar o DNA humano, entre outras teorias conspiratórias que promovem lavagem cerebral em mentes influenciáveis de uma minoria barulhenta.

Leia também:  Dire Straits Legacy confirma 8 shows no Brasil entre abril e maio

Barry foi internado dia 17 de dezembro do ano passado, após ser encontrado inconsciente em sua casa. Faleceu em 6 de janeiro, três dias após ter sido intubado.

Nos últimos anos, o guitarrista seguia carreira voltada para o rock cristão, tendo uma banda chamada DeBenedetta. Também participava de cultos como músico em igrejas da Carolina do Norte. Ele deixa esposa e três filhos.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasGuitarrista que tocou no álbum de estreia do Cinderella morre de Covid
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Curiosidades