Foto: Ralph Arvesen / Wikimedia CC BY 2.0

Richie Faulkner revela ter sofrido aneurisma da aorta durante show do Judas Priest

Guitarrista de 41 anos detalhou problema de saúde em longo comunicado enviado à imprensa

Richie Faulkner, guitarrista do Judas Priest, se manifestou pela primeira vez desde sua internação devido a um problema cardíaco. Por meio de um comunicado à imprensa, o músico de 41 anos detalhou a condição de saúde que enfrentou nos últimos dias.

Inicialmente, Faulkner agradeceu pelo carinho dos fãs e destacou sua felicidade em poder tocar com o Priest:

“Maníacos… sempre fui grato pelas oportunidades que tive. Sempre me considerei o homem mais sortudo de todos – ser capaz de tocar minha música favorita, com minha banda favorita, para minhas pessoas favoritas ao redor do mundo. Hoje, apenas ser capaz de digitar isso para todos vocês é o maior presente de todos.”

Em seguida, o guitarrista revelou ter sofrido um rompimento de artéria aorta enquanto tocava com o Judas Priest no festival Louder Than Life, em Kentuchy, Estados Unidos:

“Assisto às imagens do festival Louder Than Life em Kentucky e posso ver em meu rosto a confusão e angústia que estava sentindo enquanto tocava ‘Painkiller’ quando minha aorta se rompeu e começou a derramar sangue em minha cavidade torácica. Estava tendo o que meu médico chamou um aneurisma da aorta e dissecção completa da aorta. Pelo que me foi dito pelo meu cirurgião, as pessoas com isso geralmente não chegam vivas ao hospital.”

O tratamento e a recuperação de Richie Faulkner

O músico completou:

“Fui levado para o Rudd Heart & Lung Center nas proximidades e rapidamente entrei no que acabou sendo uma cirurgia cardíaca de emergência de 10 horas e meia. Cinco partes do meu tórax foram substituídas por componentes mecânicos. Sou literalmente feito de metal agora.

Tudo poderia ter terminado de maneira diferente – nós só tivemos um set de uma hora naquela noite devido à apresentação do Metallica depois de nós – e passa pela minha cabeça se fosse um set completo, eu teria tocado até o colapso total? Se acontecesse em uma situação de adrenalina tão alta, meu corpo teria sido capaz de continuar por tempo suficiente para chegar ao hospital? O incrível Heart & Lung Center ficava a 6,4 km do local do show – se estivesse mais longe…

Sempre podemos nos enlouquecer com essas coisas, mas felizmente ainda estou vivo. Quaisquer que sejam as circunstâncias, ao assistir aquela filmagem, a verdade é que, sabendo o que sei agora, vejo um homem morrendo.

Estou comovido até as lágrimas por amigos, família, minha fantástica banda, equipe e gestão e também vocês me enviando vídeos e mensagens de amor e apoio durante a última semana – agradeço muito a todos vocês, embora eu tenha uma estrada de recuperação à minha frente. Assim que eu puder me levantar e correr novamente, vocês serão os primeiros a saber e nós voltaremos lá entregando a mercadoria para todos vocês!

Uma última coisa, maníacos: isso veio totalmente do nada para mim – sem histórico de problemas cardíacos, artérias obstruídas, etc. Meu ponto é que eu nem tenho colesterol alto e isso poderia ter sido o meu fim. Se vocês puderem fazer exames – façam isso por mim, por favor.

Com muito amor e nos vemos novamente em breve.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
14
Share