Foto: divulgação

150 álbuns de rock (e outros estilos) lançados em 1981

O ano de 1981 começou traumático para o mundo da música, ainda de luto pelo assassinato de John Lennon, em dezembro do ano anterior. Entretanto, a produção artística daquele ano ditou as bases para toda a década.

O ano de 1981 começou traumático para o mundo da música, que ainda estava de luto pelo assassinato de John Lennon, em dezembro do ano anterior. Curiosamente, porém, a produção artística daquele período acabou indicando diversos caminhos que dariam o tom de toda a década.

Dentro do rock, o crescimento do heavy metal em suas bases tradicionais e o desenvolvimento do hard rock em sua forma oitentista foram os principais pontos. Até o gigante Black Sabbath, pai de toda a música pesada, rendeu-se a ambos os formatos – inicialmente àquele novo heavy metal, com a fase Dio, e posteriormente ao hard rock, a partir de 1984.

Depois, não deixe de conferir:

No metal, nomes como Iron Maiden, Def Leppard, Motörhead, Saxon, Judas Priest, Accept, Girlschool e Anvil começavam a despontar ou já até colhiam os frutos de trabalhos dos anos anteriores.

No hard rock, em especial, há de se destacar o primeiro álbum do Mötley Crüe, “Too Fast for Love”, que saiu em 1981, e o Van Halen, que lançou “Fair Warning” e caminhava para se tornar a maior banda do mundo nos anos seguintes.

O AOR, ramificação mais comercial do hard rock, vivia grande momento. O Journey lançou naquele ano o álbum “Escape”, com seu hit “Don’t Stop Believin'”, enquanto o REO Speedwagon, que divulgou o disco “Hi Infidelity” em novembro de 1980, emplacou meses depois o single “Keep On Loving You” no primeiro lugar das paradas americanas. Havia, ainda, o Foreigner, que liberou “4” e desfilou os sucessos “Urgent” e “Waiting for a Girl Like You”.

O subgênero em questão fez tanto sucesso que pareceu desmantelar o rock progressivo, tão famoso na década de 1970. Várias bandas prog começaram a se render aos encantos de uma sonoridade mais radiofônica, como o Genesis e o próprio Phil Collins em carreira solo – ambos lançaram álbuns mais acessíveis em 1981.

Curiosamente, um nome que mesclou o progressivo com hard rock e heavy metal, sem ficar tão pop – ao menos até aquele momento -, viveu um grande ano: o Rush, que lançou o clássico “Moving Pictures” (de “Tom Sawyer”, “YYZ” e afins) e ainda divulgou o ao vivo “Exit… Stage Left”.

No underground, começava a nascer o hardcore, afiliado ao punk e apoiado em nomes como Black Flag, Adolescents, Agent Orange, The Replacements e por aí vai. Do outro lado do punk, mais para o mainstream, a new wave/post-punk era reforçada por novidades de bandas como Duran Duran, The Cars, Gang of Four e Men at Work.

No Brasil, ainda era cedo para surgir o chamado BRock ao público geral. O álbum de estreia da Blitz, “As Aventuras da Blitz”, só saiu em 1982. Mesmo assim, o underground seguia se movimentando até desaguar em fenômenos (não tão) roqueiros de popularidade ao longo da década.

A lista a seguir reúne 150 álbuns lançados em 1981, completando 40 anos em 2021. A maior parte do levantamento é composta por discos de rock, mas outros estilos também marcam presença.

Depois, não deixe de conferir:

Os álbuns de rock (e outros estilos) em 1981

14 Bis – “Espelhos das Águas” (lançado em 1981)

38 Special – “Wild-Eyed Southern Boys” (lançado em 21 de janeiro de 1981)

A Cor do Som – “Mudança de Estação” (lançado em 1981)

ABBA – “The Visitors” (lançado em 30 de novembro de 1981)

AC/DC – “For Those About To Rock We Salute You” (lançado em 23 de novembro de 1981)

Accept – “Breaker” (lançado em 16 de março de 1981)

Adolescents – “Adolescents” (lançado em abril de 1981)

Agent Orange – “Living in Darkness” (lançado em 1981)

Alice Cooper – “Special Forces” (lançado em setembro de 1981)

Anvil – “Hard ‘n’ Heavy” (lançado em 25 de maio de 1981)

https://www.youtube.com/watch?v=tFD-RUQW5eg

April Wine – “The Nature of the Beast” (lançado em 12 de janeiro de 1981)

B.B. King – “There Must Be a Better World Somewhere” (lançado em janeiro de 1981)

Barón Rojo – “Larga vida al Rock and Roll” (lançado em 27 de abril de 1981)

Bauhaus – “Mask” (lançado em 16 de outubro de 1981)

Billy Joel – “Songs in the Attic” (lançado em 14 de setembro de 1981)

Billy Squier – “Don’t Say No” (lançado em 13 de abril de 1981)

Black Flag – “Damaged” (lançado em 5 de dezembro de 1981)

Black Sabbath – “Mob Rules” (lançado em 4 de novembro de 1981)

Blackfoot – “Marauder” (lançado em julho de 1981)

Blue Öyster Cult – “Fire of Unknown Origin” (lançado em junho de 1981)

Bob Dylan – “Shot of Love” (lançado em 27 de agosto de 1981)

Brian Eno e David Byrne – “My Life in the Bush of Ghosts” (lançado em fevereiro de 1981

Budgie – “Nightflight” (lançado em outubro de 1981)

Caetano Veloso – “Outras Palavras” (lançado em 1981)

Carl Wilson – “Carl Wilson” (lançado em 27 de março de 1981)

Debbie Harry – “KooKoo” (lançado em 27 de julho de 1981)

Def Leppard – “High ‘n’ Dry” (lançado em 11 de julho de 1981)

Depeche Mode – “Speak & Spell” (lançado em 5 de outubro de 1981)

Devo – “New Traditionalists” (lançado em 26 de agosto de 1981)

Djavan – “Seduzir” (lançado em maio de 1981)

Duran Duran – “Duran Duran” (lançado em 15 de junho de 1981)

Echo & The Bunnymen – “Heaven Up Here” (lançado em 30 de maio de 1981)

Electric Light Orchestra – “Time” (lançado em 2 de julho de 1981)

Elton John – “The Fox” (lançado em 20 de maio de 1981)

Elvis Costello – “Trust” (lançado em 23 de janeiro de 1981)

Eric Clapton – “Another Ticket” (lançado em 17 de fevereiro de 1981)

Foghat – “Girls to Chat & Boys to Bounce” (lançado em julho de 1981)

Foreigner – “4” (lançado em 2 de julho de 1981)

Frank Zappa – “You Are What You Is” (lançado em 23 de setembro de 1981)

Gang of Four – “Solid Gold” (lançado em março de 1981)

Generation X – “Kiss Me Deadly” (lançado em 23 de janeiro de 1981)

Genesis – “Abacab” (lançado em 24 de setembro de 1981)

George Harrison – “Somewhere in England” (lançado em 1° de junho de 1981)

Gillan – “Future Shock” (lançado em março de 1981)

Gillan – “Double Trouble” (lançado em outubro de 1981)

Girlschool – “Hit And Run” (lançado em 20 de abril de 1981)

Grace Jones – “Nightclubbing” (lançado em 11 de maio de 1981)

Grace Slick – “Welcome to the Wrecking Ball!” (lançado em 28 de janeiro de 1981)

Graham Bonnet – “Line-Up” (lançado em novembro de 1981)

Hall & Oates – “Private Eyes” (lançado em 1° de setembro de 1981)

Hanoi Rocks – “Bangkok Shocks, Saigon Shakes, Hanoi Rocks” (lançado em fevereiro de 1981)

Helix – “White Lace & Black Leather” (lançado em 1981)

Iggy Pop – “Party” (lançado em junho de 1981)

INXS – “Underneath the Colours” (lançado em 19 de outubro de 1981)

Iron Maiden – “Killers” (lançado em 2 de fevereiro de 1981)

Japan – “Tin Drum” (lançado em 11 de novembro de 1981)

Jefferson Starship – “Modern Times” (lançado em 2 de abril de 1981)

Joan Jett and the Blackhearts – “I Love Rock ‘n Roll” (lançado em 18 de novembro de 1981)

Joe Walsh – “There Goes the Neighborhood” (lançado em 10 de março de 1981)

John Entwistle – “Too Late the Hero” (lançado em 23 de novembro de 1981)

Journey – “Escape” (lançado em 17 de julho de 1981)

Judas Priest – “Point Of Entry” (lançado em 26 de fevereiro de 1981)

King Crimson – “Discipline” (lançado em 22 de setembro de 1981)

Kiss – “Music From The Elder” (lançado em 10 de novembro de 1981)

Kix – “Kix” (lançado em setembro de 1981)

Kool and the Gang – “Something Special” (lançado em 24 de setembro de 1981)

Kraftwerk – “Computer World” (lançado em 10 de maio de 1981)

Kris Kristofferson – “To the Bone” (lançado em janeiro de 1981)

Krokus – “Hardware” (lançado em março de 1981)

Lindsey Buckingham – “Law and Order” (lançado em 3 de outubro de 1981)

Loudness – “The Birthday Eve” (lançado em 21 de novembro de 1981)

Loverboy – “Get Lucky” (lançado em 7 de outubro de 1981)

Marvin Gaye – “In Our Lifetime” (lançado em 15 de janeiro de 1981)

Meat Loaf – “Dead Ringer” (lançado em 4 de setembro de 1981)

Men At Work – “Business As Usual” (lançado em 9 de novembro de 1981)

Michael Schenker Group – “MSG” (lançado em setembro de 1981)

Mick Fleetwood – “The Visitor” (lançado em junho de 1981)

Milton Nascimento – “Caçador de Mim” (lançado em 1981)

Molly Hatchet – “Take No Prisoners” (lançado em novembro de 1981)

Mötley Crüe – “Too Fast for Love” (lançado em 10 de novembro de 1981)

Motörhead – “No Sleep ’til Hammersmith” (lançado em 27 de junho de 1981)

Nazareth – “The Fool Circle” (lançado em 14 de fevereiro de 1981)

Neil Young and Crazy Horse – “Reactor” (lançado em 2 de novembro de 1981)

New Order – “Movement” (lançado em 13 de novembro de 1981)

Nick Mason’s Fictitious Sports – “Nick Mason’s Fictitious Sports” (lançado em 3 de maio de 1981)

Ozzy Osbourne – “Diary of a Madman” (lançado em 7 de novembro de 1981)

Pat Benatar – “Precious Time” (lançado em 6 de julho de 1981)

Pepeu Gomes – “Pepeu Gomes” (lançado em 1981)

Peter Frampton – “Breaking All the Rules” (lançado em 14 de maio de 1981)

Phil Collins – “Face Value” (lançado em 13 de fevereiro de 1981)

Picture – “Heavy Metal Ears” (lançado em outubro de 1981)

Plasmatics – “Beyond the Valley of 1984” (lançado em maio de 1981)

Praying Mantis – “Time Tells No Lies” (lançado em 20 de março de 1981)

Prince – “Controversy” (lançado em 14 de outubro de 1981)

Public Image Ltd – “The Flowers of Romance” (lançado em 10 de abril de 1981)

Rainbow – “Difficult To Cure” (lançado em 3 de fevereiro de 1981)

Ramones – “Pleasant Dreams” (lançado em 20 de julho de 1981)

Raven – “Rock Until You Drop” (lançado em outubro de 1981)

Rick James – “Street Songs” (lançado em 7 de abril de 1981)

Rick Springfield – “Working Class Dog” (lançado em 14 de fevereiro de 1981)

Ringo Starr – “Stop and Smell the Roses” (lançado em 27 de outubro de 1981)

Riot – “Fire Down Under” (lançado em 9 de fevereiro de 1981)

Rita Lee – “Saúde” (lançado em 1981)

Robert Fripp and The League of Gentleman – “The League of Gentlemen” (lançado em fevereiro de 1981

Roberto Carlos – “Roberto Carlos” (lançado em 26 de novembro de 1981)

Roger Taylor – “Fun in Space” (lançado em 6 de abril de 1981)

Rolling Stones – “Tattoo You” (lançado em 24 de agosto de 1981)

Roupa Nova – “Roupa Nova” (lançado em 1981)

Rush – “Moving Pictures” (lançado em 12 de fevereiro de 1981)

Rush – “Exit… Stage Left” (lançado em 29 de outubro de 1981)

Samson – “Shock Tactics” (lançado em maio de 1981)

Saxon – “Denim And Leather” (lançado em 25 de setembro de 1981)

Siouxsie and The Banshees – “Juju” (lançado em 6 de junho de 1981)

Slade – “We’ll Bring the House Down” (lançado em 13 de março de 1981)

Soft Cell – “Non-Stop Erotic Cabaret” (lançado em 27 de novembro de 1981)

Spandau Ballet – “Journeys to Glory” (lançado em 6 de março de 1981)

Squeeze – “East Side Story” (lançado em 15 de maio de 1981)

Status Quo – “Never Too Late” (lançado em 13 de março de 1981)

Stevie Nicks – “Bella Donna” (lançado em 27 de julho de 1981)

Stray Cats – “Stray Cats” (lançado em fevereiro de 1981)

Stray Cats – “Gonna Ball” (lançado em novembro de 1981)

Styx – “Paradise Theatre” (lançado em 19 de janeiro de 1981)

Television Personalities – “…And Don’t the Kids Just Love It” (lançado em janeiro de 1981)

The Allman Brothers Band – “Brothers of the Road” (lançado em agosto de 1981)

The Buggles – “Adventures in Modern Recording” (lançado em 11 de novembro de 1981)

The Cars – “Shake it Up” (lançado em 6 de novembro de 1981)

The Cure – “Faith” (lançado em 10 de abril de 1981)

The Go-Go’s – “The Beauty and the Beat” (lançado em 8 de julho de 1981)

The Human League – “Dare” (lançado em 16 de outubro de 1981)

The Joe Perry Project – “I’ve Got the Rock’n’Rolls Again” (lançado em junho de 1981)

The Moody Blues – “Long Distance Voyager” (lançado em 15 de maio de 1981)

The Police – “Ghost In The Machine” (lançado em 2 de outubro de 1981)

The Pretenders – “Pretenders II” (lançado em 15 de agosto de 1981)

The Psychedelic Furs – “Talk Talk Talk” (lançado em 6 de junho de 1981)

The Replacements – “Sorry Ma, Forgot to Take Out the Trash” (lançado em 25 de agosto de 1981)

The Who – “Face Dances” (lançado em 16 de março de 1981)

Thin Lizzy – “Renegade” (lançado em 15 de novembro de 1981)

Todd Rundgren – “Healing” (lançado em 28 de janeiro de 1981)

Tom Petty and the Heartbreakers – “Hard Promises” (lançado em 5 de maio de 1981)

Toto – “Turn Back” (lançado em 1° de janeiro de 1981)

Triumph – “Allied Forces” (lançado em 19 de setembro de 1981)

Tygers of Pan Tang – “Crazy Nights” (lançado em novembro de 1981)

Tygers of Pan Tang – “Spellbound” (lançado em abril de 1981)

U2 – “October” (lançado em 12 de outubro de 1981)

UFO – “The Wild, The Willing And The Innocent” (lançado em 6 de janeiro de 1981)

Van Halen – “Fair Warning” (lançado em 29 de abril de 1981)

Venom – “Welcome to Hell” (lançado em dezembro de 1981)

Whitesnake – “Come An’ Get It” (lançado em 11 de abril de 1981)

Whitford/St. Holmes – “Whitford/St. Holmes” (lançado em agosto de 1981)

Y&T – “Earthshaker” (lançado em 1981)

ZZ Top – “El Loco” (lançado em 20 de julho de 1981)

Depois, não deixe de conferir:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share