Trabalhos atuais de Yngwie Malmsteen são horríveis, diz frontman do Opeth

Mikael Åkerfeldt, vocalista e guitarrista do Opeth, falou sobre o trabalho do guitarrista Yngwie Malmsteen durante entrevista à Music Radar. Ao comentar que Malmsteen mudou sua vida, Åkerfeldt destacou, também, que os álbuns mais recentes do veterano shredder decepcionam bastante.

“Eu o odeio tanto quanto o amo. Só queria chacoalhá-lo, chutar o traseiro dele e fazer com que ele acorde. Ele é fantástico e sabe disso, tem o timbre de guitarra mais belo do heavy metal, junto de Fredrik (Åkesson, também do Opeth)”, disse Åkerfeldt.

Em seguida, o frontman do Opeth disse que se surpreendeu – negativamente – com o trabalho mais recente de Yngwie Malmsteen, “Blue Lightning“, em que ele mergulha no blues (e é ruim mesmo). “Vi o vídeo mais recente do álbum de blues dele e foi horrível, com ele dirigindo por Miami em sua Ferrari. Não é o que penso quando se fala de blues. É horrível”, afirmou.

– Yngwie Malmsteen rebate críticas de que toca sempre a mesma coisa

Åkerfeldt destacou, ainda, que a “maré ruim” de Malmsteen já vem de algum tempo. “Os álbuns dele têm sido uma m*rda há um bom tempo, mas a forma de tocar guitarra sempre foi ótima. O último disco que gostei foi ‘Odyssey’ (1988), mas agora estou parecendo um fã reclamão de Opeth. Depois disso, ele ficou meio brega e piorou. Sinto que ele deveria cuidar melhor da própria carreira, se acalmar e focar em compor boas músicas”, disse.

A influência de Yngwie Malmsteen em torno de todo o Opeth é natural, já que todos os envolvidos são da Suécia. Malmsteen, inclusive, foi um dos primeiros músicos de heavy metal realmente notáveis no país.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
0
Share