A opinião do pai de Layne Staley sobre William DuVall no Alice in Chains

Phil Staley tem apenas coisas boas para dizer sobre o músico que ocupa a vaga deixada por seu falecido filho

Em 2005, alguns anos depois da morte do vocalista Layne Staley, o Alice in Chains anunciou que continuaria suas atividades com outro cantor. William DuVall foi confirmado como o responsável por ocupar essa vaga.

O que Phil Staley, pai do saudoso Layne, pensa sobre tudo isso? Ele revelou em entrevista à Komo qual a sua opinião a respeito de William DuVall – e as impressões são bem positivas.

“Ótimo trabalho. Uma grande vaga, grande vaga (para se ocupar). Sou muito tendencioso. No que me diz respeito, não há ninguém que o substitua, mas a banda tem feito um trabalho incrível.”

Em seguida, o pai de Layne falou sobre William DuVall e sua relação com os integrantes mais antigos do Alice In Chains, o guitarrista Jerry Cantrell e o baterista Sean Kinney.

“William fez um trabalho incrível e eu não poderia estar mais orgulhoso da banda ainda estar em atividade. Eu amo todos aqueles caras. Ainda troco mensagens de texto com Jerry e Sean na estrada, então, somos bem próximos, somos como família. Sempre em contato com ela, minha garota Susan (Silver, empresária da banda).”

Layne Staley e Alice in Chains

Layne Staley morreu com apenas 34 anos de idade, em 5 de abril de 2002, devido a uma overdose de heroína com cocaína. O cantor sofreu com o vício e a depressão por anos até perder a própria vida.

Na época em que Staley morreu, o Alice in Chains estava em hiato. Três anos depois o cantor ter nos deixado, a banda retomou suas atividades, com William DuVall assumindo a vaga do cantor. Desde então, três discos já foram lançados – o mais recente, “Rainier Fog“, chegou a público em 2018.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados
Total
4
Share