Falling in Reverse anuncia “Popular Monster”, seu 1º álbum em 7 anos

Trabalho sucede uma série de singles em formato avulso; “Coming Home”, disco mais recente, saiu em 2017

O Falling in Reverse confirmou o lançamento do seu novo álbum de estúdio para o dia 26 de julho, via Epitaph Records. “Popular Monster” é o primeiro trabalho no formato desde “Coming Home”, disponibilizado em 2017. A partir de então, o grupo passou a oferecer músicas avulsas no formato de single.

Agora, elas foram compiladas em um disco com 11 faixas. A produção ficou a cargo do vocalista Ronnie Radke, em parceria com Tyler Smith. Os guitarristas Christian Thompson e Christian Thompson, além do baixista Tyler Burgess, completam a formação. Ao vivo, ainda há o acréscimo do baterista Luke Holland.

- Advertisement -

O videoclipe de “Ronald”, música com as participações de Tech N9ne e Alex Terrible, pode ser conferido no player abaixo.

Ano passado, durante entrevista à rádio 100.3 The X Rocks, transcrita pelo Blabbermouth, Radke explicou o que levou o Falling in Reverse a não lançar mais álbuns nos últimos tempos.

“Quando lançamos ‘Coming Home’, ele não foi bem. Foi mal, na verdade. Os números não mentem, como dizem – de maneiras boas e ruins. Então, eu notei um monte de bandas da minha idade que estavam lançando músicas novas, dando o seu melhor e tentando descobrir a forma mais indicada. Lembro de pensar ‘Eu não posso lançar outro álbum. O que posso fazer? Por que eu não quero cair no esquecimento. Eu não quero desaparecer no abismo do emo envelhecido…’ Aconteceu com um monte de bandas.”

Foi quando o frontman analisou o que vinha acontecendo em outros meios.

“Analisei artistas de rap, como Drake, e pensei: ‘O que eles estão fazendo?’. E eles estavam lançando singles. Artistas pop também lançam singles. Assim concluí: ‘Ok, e se eu colocar toda a minha criatividade em uma música ao invés de dez?’. E lentamente funcionou. Veio ‘Losing My Mind’, depois ‘Losing My Life’. Depois ‘Drugs’, onde Corey Taylor, que é o cara mais legal de todos os tempos, abraçou a ideia. A seguir ‘Popular Monster’, que disparou nas paradas. Foi quando vi que precisava continuar neste caminho, pois ele funcionava.”

O formato, de acordo com Ronnie, também dá uma maior liberdade para experimentar diferentes fórmulas.

“Em ‘Popular Monster’, reescrevi o refrão seis vezes. Não ter outras músicas a se preocupar me permitiu continuar até o momento em que alcançaria o resultado que desejava. Só parei quando realmente achei que estava insanamente boa.”

Sobre a banda

Fundado por Ronnie Radke em 2008 (enquanto ele se encontrava preso), o Falling in Reverse colocou todos os seus 4 álbuns de estúdio no Top 40 da parada norte-americana. O debut, “The Drug in Me Is You” (2011) conquistou disco de ouro nos Estados Unidos e de prata no Reino Unido.

  1. Prequel
  2. Popular Monster
  3. All My Life
  4. Ronald (Feat. Tech N9ne + Alex Terrible)
  5. Voices In My Head
  6. Bad Guy (Feat. Saraya)
  7. Watch The World Burn
  8. Trigger Warning
  9. Zombified
  10. No Fear
  11. Last Resort – Reimagined

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | TikTok | Facebook | YouTube | Threads.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioLançamentosFalling in Reverse anuncia “Popular Monster”, seu 1º álbum em 7 anos
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades