Rob Halford compara sua “saída do armário” à de Billie Eilish

Vocalista do Judas Priest revelou ao mundo ser homossexual durante entrevista à MTV em 1998

Quando Rob Halford revelou ser homossexual, em 1998, o mundo do metal não parecia preparado para lidar. Hoje muitos destacam a coragem do vocalista, à época fora do Judas Priest. Porém, as reações foram muito preconceituosas no período. Revistas segmentadas, incluindo as brasileiras, não perderam a chance de externar homofobia, fosse através de comentários depreciativos, charges ou editoriais com “brincadeiras”.

Em entrevista à matéria de capa da mais recente edição da Metal Hammer, o Metal God refletiu sobre sua atitude. Sem falsa modéstia, o cantor reconhece ter sido um ato audacioso, embora feito de maneira totalmente espontânea e sem preparo prévio.

- Advertisement -

Ele lembra:

“Quando fiz esse anúncio no estúdio da MTV, eu realmente não percebi o quão importante seria. Isso foi antes da internet, então a forma como a mensagem era comunicada acontecia a passo de lesma.”

Recentemente, a popstar Billie Eilish revelou ser bissexual. Halford compara as situações, refletindo sobre como o impacto da “saída do armário” da artista foi maior, mas também cessou mais rápido.

“Quando Billie Eilish finalmente pronunciou quem ela é, o mundo pegou fogo por 48 horas e seguiu em frente. No meu caso, em questão de dias me coloquei na posição de: ‘o que vai acontecer a seguir?’.”

Uma pessoa melhor após se assumir

Rob enfatiza que sua revelação abriu o caminho para que finalmente se sentisse mais seguro consigo mesmo. Isso tornou a vida mais fácil para ele e seus companheiros de banda do Judas Priest.

Leia também:  A opinião de Courtney Love sobre ser odiada, especialmente após morte de Kurt Cobain

“Não há dúvida de que me tornei uma pessoa melhor porque pude simplesmente abandonar muitas barreiras que tive que criar ao meu redor para minha própria proteção e, principalmente, para a proteção da banda. Se tivesse voltado para o Priest como fiz e ainda não tivesse saído do armário, eu teria feito esse anúncio? A vida tem essas coisas lindas que acontecem com você e que às vezes estão fora do seu alcance. Então, aquele episódio foi provavelmente a melhor oportunidade que tive para, de repente, ser quem eu sou.”

A revelação de Rob Halford

Em 2019, durante conversa com o podcast “Music Vibes with DC Hendrix”, registrada aqui, o cantor refletiu sobre aquele momento.

“Eu não tinha um plano ou agenda quando fui à MTV para gravar aquela entrevista. Estava lá para falar de um álbum que fiz com meu bom amigo John 5, um grande guitarrista. Fizemos um disco chamado ‘Two’. Foi uma afirmação simples. Não lembro qual pergunta o produtor me fez que eu respondi: ‘blá blá blá, falando como um homem gay, blá blá blá’. Foi quando isso aconteceu.”

Rob comentou que leva apenas uma fração de segundo para dar um passo adiante e revelar uma informação desse porte ao mundo.

Leia também:  Sebastian Bach revela a única coisa que impede sua volta ao Skid Row

“Foi a sensação mais libertadora e incrível que pude sentir. Após voltar ao hotel, pensei: ‘o que eu fiz?’. Depois, pensei: ‘eu me sinto incrível agora, pois tirei um peso dos ombros, não preciso esconder e ninguém precisa fazer comentários maldosos – está tudo aberto’. É por isso chamam de ‘sair do armário’”

De qualquer modo, ele enfatiza que a luta não terminou.

“Ainda temos muito para fazer em termos de igualdade e aceitação, mas coisas incríveis não acontecem da noite para o dia. Temos uma grande jornada, mas nunca vou parar de falar sobre isso, pois é importante para mim e para muitos outros.”

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesRob Halford compara sua “saída do armário” à de Billie Eilish
João Renato Alves
João Renato Alveshttps://twitter.com/vandohalen
João Renato Alves é jornalista, 40 anos, graduado pela Universidade de Cruz Alta (RS) e pós-graduado em Comunicação e Mídias Digitais. Colabora com o Whiplash desde 2002 e administra as páginas da Van do Halen desde 2009. Começou a ouvir Rock na primeira metade dos anos 1990 e nunca mais parou.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades