A decisão da DC que tem feito o Batman ficar irrelevante, segundo Zack Snyder

Diretor é conhecido do público por ter visão diferente dos heróis da editora — e ter adotado processo de desconstrução nos filmes que dirigiu

Não é de hoje que Zack Snyder tem uma visão diferente do público em relação aos principais heróis dos quadrinhos da DC — algo evidente nos filmes recentes da editora dirigidos por ele. Agora, o diretor apontou o que, em sua opinião, tem feito o Batman, um dos personagens mais famosos, ficar irrelevante.

O cineasta abordou o assunto em entrevista ao podcast Joe Rogan Experience, transcrita pela IGN. Na ocasião, revelou acreditar que o fato de o Batman não matar seus inimigos — um das marcas registradas do herói — está diminuindo a relevância do Cavaleiro das Trevas.

- Advertisement -

O cineasta afirmou:

“O Batman não poder matar é canônico. Eu eu penso: ‘ok, a primeira coisa que quero fazer quando você me diz isso é quero ver o que vai acontecer’. E continuam: ‘bem, não o coloque em uma situação em que ele tenha de matar alguém’. Você está protegendo seu Deus de uma forma estranha, certo? Você está deixando seu Deus irrelevante se ele não pode estar nesta situação. Agora ele precisa lidar com isso. Se ele fizer isso, o que significa? O que isso te diz, será que ele é capaz? Ele pode sobreviver a isso com um Deus? Como seu Deus, o Batman pode sobreviver a isso?”

“Mundo dos sonhos”

Vale ressaltar que em “Batman vs Superman: A Origem da Justiça” (2016), filme dirigido por Zack Snyder, o Batman de Ben Affleck é visto tirando a vida de algumas pessoas. A situação gerou polêmica entre os fãs mais fiéis do herói.

Leia também:  Próximo filme de M. Night Shyamalan, “Armadilha”, tem trailer divulgado

O diretor não deixou de tocar no assunto. Em defesa, declarou que mostrar os super-heróis como pessoas totalmente éticas e corretas é viver, segundo ele, em “um mundo dos sonhos”.

“Alguém me fala: ‘o Batman matou uma pessoa’. Eu fico: ‘M*rda, sério? Acorde, p*rra!’. (…) É um ponto de vista legal ser do tipo: ‘Meus heróis ainda são inocentes. Meus heróis não mentem para a América. Meus heróis não desviam dinheiro. Meus heróis não cometem nenhuma atrocidade’. Isso é legal, mas você está vivendo na p*rra de um mundo dos sonhos.”

Leia também:  Gene Simmons fará 1º show pós-Kiss antes mesmo do Summer Breeze

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioNotíciasA decisão da DC que tem feito o Batman ficar irrelevante, segundo...
Augusto Ikeda
Augusto Ikedahttp://www.igormiranda.com.br
Formado em jornalismo pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atua no mercado desde 2013 e já realizou trabalhos como assessor de imprensa, redator, repórter web e analista de marketing. É fã de esportes, tecnologia, música e cultura pop, mas sempre aberto a adquirir qualquer tipo de conhecimento.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades