A sincera reflexão de Duff McKagan sobre como a fama o mudou

Baixista do Guns N’ Roses acredita que, ao experienciar o sucesso na juventude, sentiu certa solidão por uma série de fatores

Duff McKagan experienciou o estrelato ainda na juventude. Com o sucesso do Guns N’ Roses no fim da década de 1980, o baixista viveu a fase dos seus 20 anos de uma “maneira tumultuada”, como o próprio descreveu. Toda a fama advinda naquela época trouxe consequências para a sua personalidade. 

Durante participação no podcast Broken Record, transcrita pelo Ultimate Guitar, o músico contou que o lançamento do disco “Appetite for Destruction” (1987) mudou a forma com que o mundo passou a tratá-lo. De repente, havia o interesse de várias pessoas em mantê-lo por perto.

- Advertisement -

Ele declarou: 

“Quando começamos a estourar foi uma loucura. Você começa a fazer sucesso e então isso só cresce. Foi muito louco. As pessoas perguntam: ‘como a fama mudou você?’. Lembro que mais ou menos em 1989, começaram a me fazer perguntas que nunca tinham me feito antes. Mas todos também perguntavam a mesma coisa, ‘como a fama mudou você?’. E, quando pensei sobre, percebi que isso não me mudou, mudou a forma como as pessoas me viam.”

Apesar de estar cercado de gente, Duff sentia-se muito sozinho. Isso porque ele sabia que toda aquela aproximação não era genuína. 

“Percebi que, do nada, eu tinha muito mais amigos e minhas piadas eram mais engraçadas. De repente, eu estava mais bonito porque pessoas fora do meu alcance começaram a demonstrar interesse por mim. Percebi: ‘ah, é por causa da banda, estamos na MTV e tudo mais.’ É meio solitário. Quando você percebe isso, você pensa: ‘ah, que m#rda’.”

Por isso, ele preferiu voltar a falar com os amigos de infância, com quem tinha relações verdadeiras:

Leia também:  A referência a “Ten” feita pelo Pearl Jam em novo álbum

“Voltei a ficar próximo dos meus melhores amigos com quem cresci. Eles ainda são meus melhores amigos. Temos nosso grupo de mensagens de texto.”

Duff McKagan e os problemas do sucesso

Em 2012, Duff McKagan publicou em sua então coluna na ESPN um artigo intitulado, em tradução livre, “Quando todos de repente amam você”. Ao longo do texto, o baixista faz justamente uma reflexão sobre o amor externo que vem acompanhado do sucesso.  

À época, ele escreveu:

“Surpreendentemente, da noite para o dia, minha banda Guns N’ Roses passou de garotos de rua que ninguém dava a mínima para donos de um sucesso arrebatador. Da sua própria perspectiva, você não sente mudanças em si mesmo. Mas o lado de fora – ou seja, a maneira como as outras pessoas de repente passam a te tratar por causa do sucesso – pode te deixar confuso e te fazer pensar que talvez você seja mais grandioso e impressionante do que realmente é

Durante os primeiros seis meses após o nosso primeiro álbum ‘Appetite for Destruction’ finalmente ter estourado, eu realmente pensei que talvez eu fosse um pouco mais bonito e mais engraçado do que antes. Caramba, as pessoas estavam rindo de todas as minhas piadas e me dizendo o quão engraçado eu era e as mulheres estavam totalmente me dando atenção. Eu era o cara do momento. As pessoas finalmente entenderam o quão legal eu era.”

O baixista só percebeu a falsidade da situação tempos depois, diante de um importante conselho. No caso, um de seus irmãos mais velhos abriu os seus olhos, como relembrou:

Leia também:  Axl Rose lança seu primeiro site oficial próprio

“Naquela época, um dos meus irmãos mais velhos veio me visitar em Los Angeles. Depois de alguns dias ficando comigo e percebendo em primeira mão toda essa palhaçada, ele sentou comigo para conversar e disse de uma vez: ‘você sabe que essas pessoas só querem se mostrar para você e sua banda e não se importam com você’. De repente eu acordei.”

Duff McKagan recentemente

Em outubro do ano passado, Duff McKagan lançou seu novo álbum solo, “Lighthouse”. Terceiro disco solo do músico, contou 10 faixas – além de uma reprise da que dá nome ao trabalho – e participações de Slash, Abe Laboriel Jr (Paul McCartney), Jerry Cantrell (Alice in Chains) e Iggy Pop.

Clique para seguir IgorMiranda.com.br no: Instagram | Twitter | Threads | Facebook | YouTube.

ESCOLHAS DO EDITOR
InícioCuriosidadesA sincera reflexão de Duff McKagan sobre como a fama o mudou
Maria Eloisa Barbosa
Maria Eloisa Barbosahttps://igormiranda.com.br/
Maria Eloisa Barbosa é jornalista, 22 anos, formada pela Faculdade Cásper Líbero. Colabora com o site Keeping Track e trabalha como assistente de conteúdo na Rádio Alpha Fm, em São Paulo.

DEIXE UMA RESPOSTA (comentários ofensivos não serão aprovados)

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


Últimas notícias

Curiosidades